Embrapa lança aplicativo para gerenciamento de fazendas leiteiras

Embrapa lança aplicativo para gerenciamento de fazendas leiteiras

É possível gerenciar aspectos econômicos e zootécnicos de uma propriedade leiteira. Comunicação Notícias Embrapa lança aplicativo para gerenciamento de fazendas leiteiras
A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Gado de Leite) lançou nesta sexta-feira um aplicativo para dispositivos móveis do programa Gestão Informatizada de Sistemas de Produção de Leite (Gisleite).

No programa, o produtor insere informações por meio de celular ou tablet e esses dados são compartilhados com a plataforma disponível na internet. O usuário tem de estar cadastrado no sistema Gisleite web para utilizar o aplicativo que opera no sistema operacional Android. “O aplicativo é um coletor de dados que pode ser operado até mesmo quando não há sinal de internet no smartphone, uma situação muito comum no meio rural”, disse, em nota, o analista de Tecnologia da Informação da Embrapa, Victor Lima.

Segundo a Embrapa, o aplicativo torna o sistema Gisleite mais eficiente, auxiliando o produtor no processo de tomada de decisões. Com este software, é possível gerenciar aspectos econômicos e zootécnicos de uma propriedade leiteira, como reprodução dos animais, produção de leite, movimentação no rebanho e qualidade do leite.

http://www.cravil.com.br/comunicacao/embrapa-lanca-aplicativo-para-gerenciamento-de-fazendas-leiteiras/219

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top