Alta Genetics lidera ranking da raça Holandesa em registros

#Alta Genetics lidera ranking da raça Holandesa em registros

O gado holandíªs é a principal raça leiteira em comercialização de síªmen no paí­s com aproximadamente 59% de todas as vendas.

O gado holandíªs é a principal raça leiteira em comercialização de síªmen no paí­s com aproximadamente 59% de todas as vendas. Este material é utilizado em animais mestiços, da raça Girolando e, na própria raça Holandesa. A Alta Genetics, uma das maiores empresas de melhoramento genético do mundo, é ciente da responsabilidade e importí¢ncia de trabalhar adequadamente com a genética requisitada pelos produtores de leite de todo o paí­s.

Uma das formas de mensurar o potencial de uma bateria de touros é através do número de registros da Associação Brasileira dos Criadores de Bovinos da Raça Holandesa (ABCBRH). Há uma expectativa maior de critério na escolha dos touros por parte dos associados. Nos resultados de 2011, entre os dez touros que geraram o maior número de registros, cinco pertencem í  bateria de touros da Alta Genetics: Baxter (foto acima), Wildman, Jayz, Armstead e Minister.

Segundo o gerente de Produto, Fábio Fogaça, estes touros são equilibrados no melhoramento genético em relação ao volume de leite, úberes, conformação em geral e facilidade de parto nas fíªmeas. Ele cita que: “í‰ muito prazeroso ver a preferíªncia dos criadores brasileiros da raça Holandesa pela genética Alta. Eles confiam no melhoramento genético que a Central disponibiliza através de sua bateria de touros e pelo alto grau de fertilidade do síªmen da Empresa. Não existe melhoramento genético sem fíªmeas prenhas”.

Conforme dados de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatí­stica (IBGE), Minas Gerais possui o maior rebanho bovino leiteiro, além de ser o maior produtor nacional, com 8,37 bilhões de litros/ano. O Paraná ocupa a terceira posição, com 3,59 bilhões de litros/ano.

A Alta Genetics é lí­der nas estatí­sticas dos estados de Minas Gerais e Paraná, que se destacam no ranking de produção de leite. Conforme dados da Associação dos Criadores de Gado Holandíªs de Minas Gerais (ACGHMG), a Alta Genetics possui seis entre os dez touros com maior número de filhas registradas no estado. O touro Wildman é o lí­der absoluto deste ranking. A Empresa se destaca também no Paraná, conforme informações da Associação Paranaense dos Criadores de Bovinos da Raça Holandesa (APCBRH) – cinco entre os dez touros com maior número de filhas registradas são da Central.

Conheça os principais reprodutores por região:

Minas Gerais: Wildman, Armstead, Baxter, Jayz, Minister e Juneau.

Paraná: Jayz, Baxter; Outbound, Minister e Armstead.

A Alta Genetics é uma das maiores empresas de melhoramento genético do mundo, com sede na cidade de Calgary, em Alberta (Canadá). Presente em mais de 100 paí­ses, a Alta possui centrais de coleta no Canadá, Estados Unidos, Holanda, China, Argentina e Brasil e é considerada lí­der mundial na entrega de soluções genéticas lucrativas.

No Brasil, sua Central tem capacidade para abrigar 237 touros. Conta com 78 escritórios regionais no Brasil, totalizando aproximadamente 700 profissionais em todo paí­s.

Para mais informações, acesse: www.altagenetics.com.br.

Fonte: Agrosoft

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top