Argentina – Continua estagnado o preço de exportação do leite em pó – eDairyNews Últimas notícias
Brasil |8 enero, 2018

Argentina | Argentina – Continua estagnado o preço de exportação do leite em pó

Exportações/AR – Os preços de exportação do leite em pó argentino continuam estagnados em linha com o mercado mundial super-abastecido.

 

Exportações/AR – Os preços de exportação do leite em pó argentino continuam estagnados em linha com o mercado mundial super-abastecido. As exportações argentinas de leite em pó integral a granel, declaradas em dezembro passado foram de 8.613 toneladas ao valor médio ponderado de US$ 3.047/tonelada, contra US$ 3.081/tonelada em novembro de 2017.

Em dezembro de 2016 foram registradas 7.322 toneladas ao preço médio de US$ 3.053/tonelada. O maior preço declarado em dezembro de 2017 foi de US$ 3.282/tonelada, e correspondeu a uma partida de 150 toneladas da Nestlé Argentina com destino ao Chile. O menor valor FOB declarado foi US$ 2.880/tonelada, em uma operação de 50 toneladas da Nestlé, com destino à Argélia. No segundo trimestre de 2017 o valor FOB médio do leite em pó conseguiu superar US$ 3.400/tonelada devido às vendas para o Brasil com preços maiores, US$ 3.500/tonelada, e até agosto de 2017, a média ainda conseguiu superar US$ 3.200/tonelada. Entre setembro e novembro de 2017, com a retirada da demanda brasileira, cresceu a participação de outros mercados, como África e Oriente Médio, onde a concorrência com a Europa e Estados Unidos é muito agressiva. Em dezembro passado, se bem que tenha crescido a participação das compras brasileiras, as operações foram realizadas com valores FOB entre US$ 2.852 a US$ 3.115/tonelada, ou seja, em linha com os preços fora do Mercosul. Em dezembro de 2017 os principais destinos do produto foram: Argélia, 3.675 toneladas (42,6% do total), seguido pelo Brasil (32,3%); Emirados Árabes Unidos (9,3%), Nigéria (4,6%), e Cuba (3,4%). No último leilão da Fonterra, o Global Dairy Trade, o preço médio do leite em pó integral foi de US$ 2.886/tonelada, contra a cotação de US$ 3.294/tonelada um ano antes.

http://www.terraviva.com.br/site/index.php?option=com_k2&view=item&id=15409:argentina-continua-estagnado-o-preco-de-exportacao-do-leite-em-po

Qualquer reivindicação decorrente das informações contidas no site eDairyNews será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, com sede na cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outra jurisdição, incluindo a Federal.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Notas relacionadas