Bunge e BRF lideram exportações do agronegócio

#Bunge e BRF lideram exportações do agronegócio

Puxadas pelas carnes de frango e suí­na, as exportações da BRF – Brasil Foods alcançaram US$ 2,176 bilhões de janeiro a maio deste ano, 11% a mais do que o registado no mesmo perí­odo em 2011, segundo dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) destacados pela empresa.

O ranking de exportadores da Secex ainda divide os embarques do grupo entre BRF e Sadia, apesar de a incorporação da Sadia pela Perdigão, que culminou com a criação da BRF, já ter sido aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econí´mica (Cade).

Sozinha, a BRF exportou o equivalente a US$ 1,071 bilhão nos primeiro cinco meses de 2012, 10,6% mais que no mesmo intervalo do ano passado, ficando em 11º lugar entre as maiores exportadoras do paí­s. Os embarques da Sadia, por sua vez, somaram US$ 1,106 bilhão, aumento de 11,4% em relação ao que foi exportado entre janeiro e maio de 2010, valor que lhe deu o 10º na mesma lista.

Somadas as receitas a BRF – Brasil Foods sobe para a 4ª colocação no ranking das exportadoras de janeiro a maio, atrás apenas de Petrobras (US$ 10,118 bilhões), Vale (US$ 9,558 bilhões) e Bunge (US$ 2,730 bilhões). Multinacional com sede nos Estados Unidos, a Bunge mantém, assim, o posto de principal exportadora do agronegócio brasileiro, impulsionada, sobretudo, por soja, milho e derivados.

As subsidiárias brasileiras das americanas Cargill e ADM e da francesa Louis Dreyfus Commodities também estão entre as dez maiores exportadoras do Brasil.

http://economia.ig.com.br/empresas/agronegocio/2012-06-19/bunge-e-brf-lideram-exportacoes-do-agronegocio-de-janeiro-a-maio.html

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top