Cooperativa atrasa o pagamento de produtores de #leite do DF e de GO

Cooperativa atrasa o pagamento de produtores de #leite do DF e de GO

Cerca de 140 produtores estão sem receber há mais de dois meses. Para a maioria, a atividade leiteira é a única fonte de renda.
Produtores de leite do Distrito Federal e de Goiás entregam o produto para uma cooperativa, mas há dois meses não recebem o pagamento e o dinheiro está fazendo falta.
Há seis anos, o produtor Edmundo dos Santos largou a profissão de caseiro e foi morar na roça para tirar leite, mas hoje conta que o sonho de viver da atividade está ameaçado. O último pagamento da cooperativa foi no mês de março, R$ 904, em abril e maio, ele não recebeu nada.
Para garantir o sustento, a família conta com o trabalho da esposa Eva, como faxineira. Todo o dinheiro que tinha guardado já foi usado.
O trabalho no sítio não mudou. Edmundo continua ordenhando as vacas e entregando o leite para a cooperativa na esperança de receber o dinheiro. Ele não é o único na região, cerca de 140 produtores vivem o mesmo problema.
Os cooperados, do Distrito Federal e também de Goiás, entregam o leite na Cooperativa Agropecuária de São Sebastião. Ela tem um convênio com o governo do Distrito Federal, que entrega leite e derivados à creches e entidades de assistência social.
O presidente da cooperativa, Luiz Torres, diz que o governo não repassou parte do pagamento de maio, mas não vai mais esperar por isso e vai acertar os atrasados aos produtores nos próximos dias.
Em nota, a Secretaria de Desenvolvimento Social do Distrito Federal informa que emitiu uma ordem bancária para o pagamento das compras do mês de maio.

http://g1.globo.com/economia/agronegocios/noticia/2014/07/cooperativa-atrasa-o-pagamento-de-produtores-de-leite-do-df-e-de-go.html

 

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top