Dos leitores acreditam que a lei do preço antecipado do leite vai ajudar o produtor

#Dos leitores acreditam que a lei do preço antecipado do leite vai ajudar o produtor

O MilkPoint lançou no iní­cio do míªs uma enquete questionando se a lei que estabelece aviso antecipado de preços ao produtor vai ajudar (por informar antecipadamente os preços e permitir maior previsibilidade) ou prejudicar o produtor (pelo maior risco de mercado tomado pelo laticí­nio ser repassado ao produtor na forma de preços menores). A maioria é a favor: 64% das pessoas que responderam a pesquisa acreditam que essa nova lei vai ajudar o produtor, enquanto 28% acham que vai prejudicar. Já 8% responderam que não sabem.

A enquete teve a participação de 146 pessoas de diversos estados brasileiros, com 35% de Minas Gerais, 14% de Goiás e 11% de Santa Catarina.

Quanto a formação dos respondentes, praticamente a metade é composta por produtor de leite (49%), seguidos de técnicos (18%) e pessoas vinculadas a laticí­nios (9%).

Ainda, foi aberto para que deixassem seus comentários e o conteúdo de alguns comentários se repetiam como:

“Nunca será divulgado o valor real do produtor; será informado o preço base, que será sempre baixo e depois serão trabalhados os complementos.”

“Com preços estabelecidos é possí­vel aumentar ou diminuir a produção e melhorar a gestão do negócio.”

“O laticí­nio ficará certamente preocupado com o concorrente e com isso fidelizará mais o fornecedor.”

“í‰ um primeiro passo na direção de uma relação formal com a indústria.”

“A venda do leite é uma das poucas negociações comerciais que se vende sem saber o valor. O produtor assume o compromisso com suas despesas sem saber o quanto vai receber pelo litro de leite. Muitas das vezes o valor recebido não cobre os custos.”

“Além do preço antecipado, deveriam informar claramente as regras de comercialização.”

“Todo mundo ganha quando o setor tem informação e é possí­vel se organizar melhor. Precisamos investir na ideia de que somente distribuindo os lucros poderemos ser fortes suficientes para sermos o maior produtor de leite do mundo.”

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top