Embrapa começa no Noroeste gaúcho pesquisa com vacas em lactação da Rede Leite – eDairyNews Últimas notícias
Brasil |13 junio, 2016

Indústria | Embrapa começa no Noroeste gaúcho pesquisa com vacas em lactação da Rede Leite

Começou nesta semana no Noroeste gaúcho uma pesquisa realizada pela Embrapa com o objetivo de identificar doenças infecciosas, que podem provocar falhas na gestação de vacas leiteiras, como leptospirose, IBR, BVD e neospora.

 

Começou nesta semana no Noroeste gaúcho uma pesquisa realizada pela Embrapa com o objetivo de identificar doenças infecciosas, que podem provocar falhas na gestação de vacas leiteiras, como leptospirose, IBR, BVD e neospora. O estudo é coordenado pela pesquisadora em reprodução animal da Embrapa, Lígia Pegoraro, em cinco mesorregiões do Rio Grande do Sul: Sul, Fronteira Oeste, Serra, Norte e Noroeste. No Noroeste gaúcho, produtores da Rede Leite – Programa em Rede de Pesquisa-desenvolvimento em Sistemas de Produção com Atividade Leiteira no Noroeste do RS -, que aderiram à pesquisa, estão abrindo a porteira da propriedade para a coleta de sangue dos seus rebanhos.

De acordo com o extensionista da Emater/RS-Ascar, Dionísio Treviso, de Salto do Jacuí, além de o produtor ter a oportunidade de fazer os exames de graça, a pesquisa também cria condições de o Estado melhorar a sanidade do rebanho leiteiro.

Na última terça-feira (07/06), Treviso acompanhou a coleta de amostras de sangue de 24 vacas em lactação de propriedade do casal Elisabete e Milton Mello, moradores do assentamento Oriental. A coleta de sangue no assentamento de Salto do Jacuí foi realizada pelos médicos veterinários da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (Unijuí), Ana Paula Huttra Kleemann, e da Emater/RS-Ascar, Oldemar Weiller.

A Pesquisa

O Estudo epidemiológico e impacto econômico das doenças da reprodução em bovinos leiteiros de diferentes regiões do Rio Grande do Sul, coordenado no Rio Grande do Sul pela Embrapa, deverá revelar informações sobre a incidência de doenças que podem dificultar a gestação.

Doenças infecciosas, tais como leptospirose, rinotraqueite infecciosa bovina (IBR), diarreia viral bovina (BVD) e neospora, podem causar falhas na gestação das mamães e perdas na lucratividade do produtor de leite. A morte do embrião, aborto e repetição de cio podem acarretar diminuição da produção de leite.

Apoiam a pesquisa da Embrapa, no Noroeste gaúcho, a Rede Leite e a Cooperativa Santa Clara.

Calendário de coleta de sangue no Noroeste:

10/06 – Ijuí
13/06 – Esperança do Sul e Bom Progresso
14/06 – Augusto Pestana (IRDER)
15/06 – Braga e Miraguaí
16/06 – Chiapetta e Santo Augusto
17/06 – Sede Nova

Emater – RS

 

Qualquer reivindicação decorrente das informações contidas no site eDairyNews será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, com sede na cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outra jurisdição, incluindo a Federal.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Notas relacionadas