Empreendedor investe na produção de #queijo de búfala no Brejo da PB

Empreendedor investe na produção de #queijo de búfala no Brejo da PB

 

São produzidos cerca de 250kg de queijo de búfala por mês. Produtor fez curso de empreendedorismo rural.

 

Um produtor rural de Alagoa Nova, no Brejo da Paraíba, decidiu investir na produção de queijo de búfala após fazer um curso de empreendedorismo rural há dois anos. André Brasil sempre trabalhou com bovinos, mas, depois do curso, ele resolveu investir em algo novo e ainda não explorado no Brejo. Hoje ele produz cerca de 250kg de queijo de búfala por mês e comercializa o produto em Alagoa Nova e em João Pessoa. Com uma produção diária de 200 litros de leite de búfala, ele já se imagina produzindo outros derivados desse material.
“Tenho me sentido realizado. Principalmente porque é um produto que, para quem produz para industrializar, é muito vantajoso pelo fato de o teor de sólidos ser bem mais elevado que o bovino e o rendimento do leite é bem maior. Porém, a produção por animal é menor. Mas, pela facilidade do manejo, acho bem mais vantajoso”, explicou o produtor.

A produção começa com a ordenha, feita em um antigo engenho da família. Já em casa, ele aquece e resfria o leite e põe para coalhar. Com o leite coalhado, ele tira o excesso do soro e coloca na forma. Em seguida, o queijo vai para a prensa, que serve para retirar o resto do soro e dar forma ao produto. Cinco horas depois, o queijo já está pronto para o consumo.

“Esse curso de empreendedor rural é exatamente para mostrar às pessoas que não é só produzir, mas como produzir e como tirar proveito dos rendimentos que a sua propriedade pode dar. Então nós levamos até os produtos, os trabalhadores rurais, para que eles tenham como se fortificar no campo”, comentou o presidente do Sindicato Rural de Alagoa Nova, Alberto Ataíde.

http://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/2014/07/empreendedor-investe-na-producao-de-queijo-de-bufala-no-brejo-da-pb.html

 

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top