Entressafra eleva em até 19,12% preço do #leite no Paraná

Entressafra eleva em até 19,12% preço do #leite no Paraná

Alta foi apurada pelo Deral/Seab entre os meses de fevereiro e abril. Com entressafra preço do leite e derivados sobe nos supermercados A entressafra fez os preços do litro de leite e derivado ficarem mais caros nos supermecados dos Paraná. De fevereiro para abril, o preço médio no varejo do litro de leite longa vida subiu 19,12%, passando de R$ 1,83 para R$ 2,18, de acordo com os dados do Boletim Mensal do Departamento de Econômia Rural (Deral) da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento (Seab). Já o preço médio do varejo no litro de leite pasteurizado subiu um pouco menos: 9,94%. O preço médio passou, em fevereiro, de R$ 1,81, para em abril, R$ 1,99.

Entre os derivados, apenas o queijo minas frescal apresentou alta, os demais tiveram queda de preços. O quilo de queijo minas frescal ficou 27,10% mais caro, passando de R$ 18,74, em fevereiro, para R$ 23,82, em abril. Os derivados que ficaram mais baratos foram manteiga extra (5,07%), queijo minas prensado (2,47%), queijo muzzarella (4,69%), queijo parmezão (1,38%), queijo prato (6,26%).

De acordo com os dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP, a produção leiteira vem recuando desde março em todas as bacias leiteiras. O Índice de Captação de Leite do Cepea (ICAP-L/Cepea) reduziu 3,85% de fevereiro para março.

Vale destacar que o Sul do País tem a entressafra adiantada quando comparado às demais regiões. Assim, os estados sulistas tiveram os recuos mais expressivos na captação de leite em março, de 8,46% no Paraná, 7,66% no Rio Grande do Sul e 4,12% em Santa Catarina.

http://www.bemparana.com.br/noticia/322920/entressafra-eleva-em-ate-1912-preco-do-leite-no-parana

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top