Fonterra captou 10% mais #leite em junho

Fonterra captou 10% mais #leite em junho

 

A cooperativa de lácteos neozelandesa, Fonterra, disse que a captação de leite na Nova Zelândia no mês de junho alcançou 9 milhões de quilos de sólidos do leite (equivalente a 107,1 milhões de quilos de leite), 10,1% a mais que no mesmo mês do ano anterior.

A captação na Ilha do Norte em junho foi de 7 milhões de quilos de sólidos do leite (83,3 milhões de quilos de leite), 13% a mais que em junho de 2013. Os volumes da Ilha do norte aumentaram com relação à safra anterior à medida que mais produtores continuaram ordenhando no inverno.

A captação de leite pela Fonterra na Ilha do Sul alcançou 2 milhões de quilos de sólidos do leite (23,8 milhões de quilos de leite), 2% a mais que em junho do ano passado. Um pequeno número de produtores da Ilha do Sul forneceu leite no inverno para abastecimento interno.

A coleta de leite na operação da Fonterra na Austrália nos 12 meses até 30 de junho alcançou 120 milhões de quilos de sólidos do leite (1,42 bilhão de quilos de leite), mesmo nível da safra anterior, apesar de ter sido consideravelmente mais baixo na primavera.

A produção de leite da Fonterra na Austrália aumentou na segunda metade do ano devido ao mercado mais favorável e condições de crescimento das pastagens, junto com fazendas adicionais escolhendo fornecer leite à cooperativa. Como resultado, a captação australiana em junho foi 16% maior que em junho do ano anterior.

A reportagem é do http://www.nzherald.co.nz, traduzida pela Equipe MilkPoint Brasil.

Tags: , ,
Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top