Greve dos caminhoneiros já causa prejuízos milionários ao agronegócio

Greve dos caminhoneiros já causa prejuízos milionários ao agronegócio em Goiás

Indústria no ramo de avicultura já suspendeu o abate porque falta ração para os animais

BR 060, km 393, Rio Verde | Foto: Divulgação PRF

O protesto dos caminhoneiros que teve início na última segunda-feira (21/5) já causa consequências em vários segmentos da economia goiana. Com 25 pontos de bloqueio nas rodovias, produtores rurais não conseguem escoar a produção.

O diretor executivo do Sindicato das Indústrias de Laticínios no Estado de Goiás (Sindileite), Alfredo Luiz Correia, afirma que o prejuízo do segmento é incalculável. “A situação está crítica, não liberaram a passagem dos caminhões. As indústrias estão impotentes de buscar o leite do produtor. O prejuízo é incalculável, somente em Goiás são produzidos 10 milhões de litros de leite por dia.”.

Alfredo ressalta ainda que o produto tem pouca durabilidade. “Temos dois tipos de leite, o  Longa Vida, que dura cerca de três meses e o leite tipo C que é entregue diariamente nos comércios”.

Segundo o diretor do Sindileite, uma indústria do ramo de avicultura instalada em Palmeiras de Goiás suspendeu o abate de animais a partir desta quinta-feira (24/5).  “Não está chegando ração e os animais não tem mais o que comer”, lamenta.

Para o diretor executivo do Instituto para o Fortalecimento da Agropecuária de Goiás (IFAG), Edson Novaes, a greve causa impacto mas o aumento no valor do combustível deixou a situação dos produtores rurais inviável.

“Nos ultimos 30 dias tinhamos um aumento 17% gasolina e 16% diesel. Isso afeta todos os setores da economia, não só da agricultura. Sem falar que o valor do frete há muito não sofre reajuste”, disse ao ressaltar que o instituto é solidário à causa dos caminhoneiros.

https://www.jornalopcao.com.br/ultimas-noticias/greve-dos-caminhoneiros-ja-causa-prejuizos-milionarios-ao-agronegocio-em-goias-126171/

Tags: ,
Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top