II Jornada do Produtor Rural: recuperação de pastagens para produção de leite – eDairyNews Últimas notícias
Sin categoría |18 abril, 2012

Negócio | II Jornada do Produtor Rural: recuperação de pastagens para produção de leite

Para dar continuidade aos trabalhos de capacitação em reforma de pastagem no Assentamento Montana, em Bataguassu/MS, será realizada a II…

Para dar continuidade aos trabalhos de capacitação em reforma de pastagem no Assentamento Montana, em Bataguassu/MS, será realizada a II Jornada do Produtor Rural, na quinta-feira, 19 de abril, das 9 horas í s 12h30, na propriedade do produtor rural Clóvis Lourenço de Moura. A realização do evento é da Embrapa Agropecuária Oeste, da Agíªncia de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer), da Prefeitura Municipal de Bataguassu e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Bataguassu.

Se em 2011, o objetivo do evento foi mostrar a produtores rurais e agentes de assistíªncia técnica e extensão rural como é possí­vel melhorar a qualidade das pastagens, da alimentação do gado e do solo por meio de tecnologias simples e baratas, em 2012 o objetivo é avaliar o impacto após a adoção das tecnologias pelo agricultor, assim como promover discussões sobre novos rumos que podem ser adotados para aprimorar as atividades.

“Vamos mostrar que em pastagem reformada a produção de leite é maior, mesmo em condições de estiagem como a que ocorreu no último verão. O pasto está em melhores condições para enfrentar o próximo inverno e, dessa forma, manter a produção de leite nesse perí­odo que é o mais crí­tico”, explica o chefe de Transferíªncia de Tecnologia da Embrapa Agropecuária Oeste, Claudio Lazzarotto.

Além da demonstração de tecnologias para reforma de pastagens e alternativas para a produção de feno, o público encontrará na Unidade de Referíªncia (UR) cultivares de mandioca e de milho, alternativas para garantir a segurança alimentar e proporcionar a geração de renda.
Autor: Assessoria

Qualquer reivindicação decorrente das informações contidas no site eDairyNews será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, com sede na cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outra jurisdição, incluindo a Federal.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Notas relacionadas