#Importação de leite afeta produtores catarinenses – eDairyNews Últimas notícias
Sin categoría |6 julio, 2012

Indústria | #Importação de leite afeta produtores catarinenses

Mas, neste inverno, o preço do produto nacional não deve ter alteração. Em 2008, a média de leite em pó…

Mas, neste inverno, o preço do produto nacional não deve ter alteração. Em 2008, a média de leite em pó que entrava no paí­s era de 375 toneladas mensais

Nos últimos quatro anos, a média de importação do produto uruguaio cresceu cerca de 900%. O impacto sentido pelos produtores catarinenses, principalmente no inverno, é o preço.

“Gostarí­amos que as autoridades do Estado e do Alto Vale, olhasse para o produtor. E ao invés de exportar o leite que eles dessem um melhor apoio no preço, essas empresas de leite. Assim os produtores poderiam aumentar a produção e se sentiriam mais valorizados”, sugere o produtor Adi Cuco.

Presidente Getúlio (SC) é a maior bacia leiteira do Alto Vale e a segunda maior do Estado. Em uma propriedade a produção chega a 700 litros de leite por dia. E o rendimento a R$ 17 mil por míªs.

Para o agricultor, Marcelo Geiser, o valor do produto não é ruim. Mas, poderia ser ainda melhor se a importação do paí­s vizinho fosse barrada pelas autoridades: “Está prejudicando, o preço que estamos ganhando não está ruim, mas também não está bom. No inverno a tendíªncia é aumentar o preço, mas não nesse ano por causa dessa exportação de leite.”

Entre os problemas que agravam a situação da cadeia produtiva do leite estão: o clima, os custos de produção e industrialização. Para se ter uma ideia, a indústria brasileira vende o kg do queijo pelo preço de R$ 10,30 no atacado, enquanto o produto argentino chega ao mercado nacional a R$ 7,50 o kg. Para aumentar a competitividade do produto brasileiro a intenção é apoiar a iniciativa para isenção de impostos sobre a ração animal e o sal mineral.

“Se o Governo conseguisse fazer isso seria um grande incentivo aos produtores”, afirma Marcelo Geiser.
Fonte: RBATV

Qualquer reivindicação decorrente das informações contidas no site eDairyNews será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, com sede na cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outra jurisdição, incluindo a Federal.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Notas relacionadas