Importante passo é dado para a estruturação do Laboratório de Qualidade do Leite em Rondônia – eDairyNews Últimas notícias
Brasil |12 octubre, 2016

Leite | Importante passo é dado para a estruturação do Laboratório de Qualidade do Leite em Rondônia

O objetivo do LQL-RO é garantir que o estado esteja pronto a oferecer aos seus empresários e produtores o que há de mais moderno para a competitividade e sustentabilidade

Na manhã desta terça-feira, 11, foram oficialmente repassados para a Embrapa, pelo Governo do Estado de Rondônia – por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa de Rondônia (Fapero) –, quase meio milhão de reais, que serão investidos na estruturação física do Laboratório de Qualidade do Leite de Rondônia (LQL-RO). “Esse investimento é fundamental para os trabalhos de pesquisa em qualidade do leite no estado” explica o chefe-geral da Embrapa Rondônia, Alaerto Marcolan, complementando que “É, também, um passo significativo para que, futuramente, o Laboratório seja credenciado a prestar serviços às indústrias e produtores da região quanto à análise de qualidade do leite cru. Com isso, será possível, inclusive atender aos estados vizinhos, da Amazônia Ocidental”, conclui.

O objetivo do LQL-RO é garantir que o estado esteja pronto a oferecer aos seus empresários e produtores o que há de mais moderno para a competitividade e sustentabilidade da produção leiteira regional. O secretário de estado da Agricultura (Seagri), Evandro Padovani, destaca que os recursos disponibilizados confirmam o compromisso do governo em conseguir, o mais breve possível, o funcionamento do LQL-RO. “Vamos continuar nos empenhando e também vamos mobilizar o poder público para que seja feito o aporte de investimentos necessários para o pleno funcionamento deste Laboratório”, reforça o secretário de Estado de Agricultura, Evandro Padovani.

Quanto ao repasse de recursos, o presidente da Fapero, Francisco Helder, ressalta a importância da Fundação. “A Fapero é um elo significativo, que proporcionou o repasse de recursos para o Laboratório e pode auxiliar ainda mais neste processo, que, com certeza, fortalece o incentivo à pesquisa no estado e o desenvolvimento da região”, afirma.

Desde 2012, a Embrapa vem realizando pesquisas em campo e laboratório com foco na qualidade do leite cru de Rondônia. “Os resultados deste trabalho já podem subsidiar políticas públicas e privadas, bem como auxiliar na tomada de decisão para melhoria do manejo dos rebanhos leiteiros de Rondônia e, consequentemente, da qualidade de leite e derivados que chegam ao consumidor”, destaca a pesquisadora da Embrapa, Juliana Dias, especialista neste tema.

Para que o LQL-RO possa realizar análises oficiais para às indústrias e produtores é preciso atender às normas internacionais e, assim, obter o credenciamento junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). O atendimento das exigências do Ministério requer uma estrutura significativamente maior que a necessária aos trabalhos de pesquisa. Para isso, a Embrapa conta com a decisiva parceria do governo do estado, por meio da Seagri e da Fapero.

Por que o LQL em Rondônia?

O interesse do governo do estado e da Embrapa em contar com o LQL-RO não é por acaso. Rondônia é o 8º maior produtor de leite no Brasil, com uma produção em 2014 de 940.621 milhões de litros, respondendo por 48,3% da produção da região Norte e 2,7% da produção nacional (IBGE, 2016).  De acordo com os dados do Sistema de Informações Gerenciais do Serviço de Inspeção Federal (SIGSIF, 2015), 51 indústrias lácteas com Serviço de Inspeção Federal estão instaladas no estado. Considerando a ausência de laboratórios credenciados na região Norte, atualmente, as indústrias de lácteos sediadas em Rondônia têm encaminhado amostras para LQLs das regiões Sudeste, Sul e Centro Oeste do país.

http://www.ariquemesonline.com.br/noticia.asp?cod=315742&codDep=50

Qualquer reivindicação decorrente das informações contidas no site eDairyNews será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, com sede na cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outra jurisdição, incluindo a Federal.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Notas relacionadas