Leite infantil contaminado

Leite infantil contaminado

 

O ministro francês da Economia, Bruno Le Maire, anunciou a fiscalização suplementar em 2500 estabelecimentos de venda.

O ministro francês da Economia, Bruno Le Maire, convocou as empresas de distribuição e a direção da Lactalis, a empresa na origem do leite de bebé contaminado com salmonela. O responsável do governo anunciou a fiscalização suplementar em 2500 estabelecimentos depois dos grupos Auchan, Carrefour, leclerc e Système U terem reconhecido que comercializado produtos Lactalis apesar da proibição desde 21 de dezembro.

“A nove de dezembro o estado substitui a empresa que falhou e que, volto a frisar, é a única responsável pela qualidade e segurança dos produtos à venda. Este é um assunto sério que originou um comportamento inaceitável que tem que ser punido”, alertou Le Maire.

Os grandes distribuidores pediram desculpa aos clientes por terem vendido produtos para bebé cuja venda estava proibida, entre eles caixas de leite em pó e papas à base de cereais.

Na terça-feira, os serviços de saúde pública de França identificaram 35 crianças contaminadas com a bactéria salmonela por consumo de leite ou alimentos para bebés da empresa Lactalis nos três dias anteriores ao início dos sintomas.
Fonte: Euronews

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top