#Leite:Sicredi projeta R$ 8,26 bilhões para Plano Safra

#Leite:Sicredi projeta R$ 8,26 bilhões para Plano Safra

 
Cooperativa prevê volume de financiamento 35% maior que na edição 2013/2014

Terceiro maior repassador de crédito rural do País, o Sistema Sicredi projeta para este ano continuar ampliando os recursos acessados pelos produtores por meio de suas cooperativas. Na safra anterior (2013/14), foram contratados R$ 6,11 bilhões e a previsão para esta edição é chegar a R$ 8,26 bilhões, um crescimento de 35%. Na Sicredi União PR/SP, que atua no Norte-Noroeste paranaense e no Centro-Leste paulista, a carteira de crédito rural representa 52% da carteira total de crédito.

Os recursos para custeio são, normalmente, os mais procurados e as taxas variam de acordo com a modalidade em que se encaixam os associados. Para o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), os juros estão cotados entre 1,5% a 3,5% ao ano; para o Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp), juros de 5,5% ao ano; e, para a Agricultura Empresarial, juros de 6,5% ao ano.

O diretor-executivo da Sicredi União, Rogério Machado, ressalta que tem sido expressiva, também, a cada edição do Plano, a procura por recursos destinados a investimentos, como aquisição de máquinas e equipamentos agrícolas, gado de corte, gado de leite, bebedouros, ordenhadeiras, construção e reforma de instalações, cercas e outros.

No Pronaf Mais Alimentos, que prevê limite de R$ 150 mil por CPF, o prazo de pagamento é de dez anos, com juros de 2% ao ano. No BNDES/PSI (Programa de Sustentação da Indústria), o limite é de R$ 3 milhões por CPF ou CNPJ, com dez anos para pagamento e taxa de 4,5% ao ano (válido até 31 de dezembro deste ano para o caso de compra de máquinas agrícolas).

Outro programa que tem sido demandado é o Moderagro/Desenvolvimento, destinado a construção e reforma de aviários e instalações para suínos, com limite de R$ 800 mil por CPF ou CNPJ, dez anos para pagamento e taxa de 6,5% ao ano.

Em relação às taxas do Proagro (Programa de Garantia da Atividade Agropecuária), o Plano Agrícola e Pecuário 2014/15 manteve as taxas de 1% para culturas irrigadas, 2% para agricultura familiar e 3% para os demais casos.

AGILIDADE – A Sicredi União PR/SP já está recebendo propostas de produtores associados que pretendem acessar os recursos de crédito previstos no Plano Agrícola e Pecuário 2014/15, anunciado em maio último pelo Governo Federal. A cooperativa já aprovou 62% das operações de custeios e a orientação é que os associados procurem suas unidades de atendimento o quanto antes para formalizarem a proposta de crédito.

De acordo com Rogério Machado, para garantir agilidade na contratação é feita uma análise antecipada dos associados que mantêm relacionamento com a instituição há mais de cinco anos. “Dessa forma, eles têm seu crédito aprovado antecipadamente, o que evita perda de tempo”, explica.

Machado lembra que a Sicredi União PR/SP tem forte afinidade com o campo e conhece bem os produtores que, tradicionalmente, acessam os recursos na cooperativa. A orientação do diretor é que eles procurem logo as suas unidades de atendimento para formalizar as propostas.

http://www.bonde.com.br/?id_bonde=1-39–128-20140715

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top