Novos equipamentos vão modernizar cadeia produtiva do #leite no PR – eDairyNews Últimas notícias
Sin categoría |6 junio, 2014

Indústria | Novos equipamentos vão modernizar cadeia produtiva do #leite no PR

  A Secretaria estadual da Agricultura e do Abastecimento começa a entregar os primeiros equipamentos que vão contribuir com a…

 

A Secretaria estadual da Agricultura e do Abastecimento começa a entregar os primeiros equipamentos que vão contribuir com a modernização da cadeia produtiva do leite em várias regiões do Estado. No total serão atendidos mais de 60 municípios de menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), devendo beneficiar entre cinco mil e seis mil produtores. O cronograma de entrega dos equipamentos vai de junho a dezembro deste ano.

São 1.700 equipamentos entre resfriadores de leite, carretas, tratores, arados, distribuidores de esterco e outros que foram comprados com recursos do governo federal, captados por meio de emendas parlamentares, mais contrapartida do governo do Paraná, que somam R$ 28,2 milhões, sendo R$ 24,8 milhões do governo federal e R$ 3,35 milhões do governo do Paraná.

Do total de equipamentos serão 1.106 tanques resfriadores de leite contemplados em três emendas: 25 tanques da emenda de autoria do deputado federal Abelardo Lupion, 111 tanques comprados com recursos de emenda de autoria do deputado federal Alex Canziani, e 970 tanques contemplados por emenda proposta pelo Movimento de Produtores Assentados, organizados em Cooperativas da Reforma Agrária.

As emendas também contemplam outras cadeias produtivas, mas a maioria das ações será concentrada para a modernização da pecuária leiteira no Paraná.

A emenda de maior valor, de R$ 17,6 milhões, visa reestruturar quatro cadeias produtivas: do leite, café, cana-de-açúcar e erva-mate nos assentamentos rurais. Desse total, R$ 15,6 milhões são oriundos do Ministério do Desenvolvimento Agrário e R$ 2 milhões em recursos do Tesouro do Estado.

Nessa emenda específica, foram comprados 970 tanques resfriadores de leite que serão distribuídos para uso comunitário em 104 assentamentos existentes nos municípios de Querência do Norte, Santa Cruz de Monte Castelo, Marilena, Mirador, Amaporã, Planaltina do Paraná, Terra Rica, Nova Londrina, Santa Mônica, Santa Maria do Oeste, Boa Ventura de São Roque, Pitanga, Manuel Ribas, Jardim Alegre, Palmital, Laranjal, Laranjeiras do Sul, Goioxim, Peabiru, Quinta do Sol, Arapongas, Londrina, Tamarana, Tibagi, Ortigueira, Reserva, Imbaú, Marmeleiro, Renascença, Francisco Beltrão, Saudades do Iguaçu, Palmas, Clevelândia, Cel. Domingos Soares, Honório Serpa e Mangueirinha.

NORTE PIONEIRO – Ainda na linha de apoio à pecuária leiteira e reestruturação da cadeia produtiva do leite, estão sendo executados quatro convênios com o Ministério da Agricultura, no valor total de R$ 5,62 milhões, sendo R$ 4,49 milhões em recursos do governo federal e R$ 1,12 milhão em recursos liberados pelo governo do Paraná.

Estão sendo comprados equipamentos que vão permitir a manutenção da qualidade do leite que será entregue no laticínio em temperatura de 4ºC e outros que ajudam a elevar a produção de leite na propriedade. Além dos resfriadores, estão sendo comprados equipamentos que ajudam o produtor a fazer silagem, como forma de guardar o excedente de forrageiras para o período do inverno, e também para fazer a irrigação de pastagens.

No Norte Pioneiro, estão em execução duas emendas parlamentares de autoria do deputado Abelardo Lupion para ajudar os produtores a se adequarem às portarias do Ministério da Agricultura, que estão cada vez mais restritivas em relação à entrega e coleta do leite. O Ministério exige que o leite retirado das propriedades seja armazenado em tanques resfriadores e coletado por caminhão refrigerado, para manter a qualidade do produto entregue no laticínio.

Uma das emendas, no valor total de R$ 600 mil, sendo R$ 480 mil em recursos do governo federal, e R$ 120 mil do governo do Paraná, corresponde a oferta de treinamentos e capacitação de produtores rurais e técnicos, com a realização de dias de campo, excursões e seminários. O objetivo é introduzir nova tecnologia de irrigação de pastagens para minimizar os efeitos de períodos com falta de chuvas e aumentar a produtividade na produção de leite.

A outra emenda, de R$ 3 milhões, sendo R$ 2,45 milhões do governo federal mais contrapartida de R$ 614 mil do governo do Paraná, viabiliza a modernização com a entrega dos equipamentos. Serão entregues carretas basculantes, tratores agrícolas, resfriadores de leite, distribuidores de esterco, grade aradora, ensiladeiras e distribuidores de fertilizantes.

As duas emendas vão atender, de forma coletiva, os pequenos produtores dos municípios de Abatiá, Barra do Jacaré, Carlópolis, Conselheiro Mairinck, Curiúva, Figueira, Guapirama, Ibaiti, Jaboti, Jacarezinho, Japira, Joaquim Távora, Jundiaí do Sul, Quatiguá, Ribeirão Claro, Salto do Itararé, Santana do Itararé, Santo Antonio da Platina, São José da Boa Vista, Siqueira Campos, Tomazina e Wenceslau Braz.

Uma terceira emenda, de autoria do deputado Alex Canziani, também é destinada à modernização da cadeia produtiva do leite nas regiões de Ivaiporã, Campo Mourão e Umuarama. A emenda prevê a compra de 111 tanques resfriadores de leite para que os pequenos produtores possam armazenar, de forma coletiva, o produto dentro da temperatura recomendada pelo Ministério.

Trata-se de uma ação mais educativa, com acompanhamento dos técnicos da Emater, como demonstração aos produtores de tecnologia disponível para os produtores se adequarem com mais facilidade as exigências para produção de um leite de qualidade.

Essa emenda, no valor total de R$ 1,22 milhão, está sendo viabilizada graças a convênio com o Ministério da Agricultura, sendo R$ 975 mil em recursos federais e R$ 243,7 mil em recursos do governo do Paraná.

Uma quarta emenda, de autoria do deputado federal Leopoldo Meyer, apoia os pequenos produtores rurais do município de Pérola, através da aquisição de uma patrulha mecanizada composta por trator, colhedora de forragens, carreta agrícola e arado subsolador. A emenda, no valor de R$ 123 mil, conta com R$ 97,5 mil em recursos do governo federal e R$ 25,5 mil do governo do Paraná, apoia os produtores de leite na renovação de pastagens.

Outra patrulha, composta por um caminhão e um rolo compactador para complementação de patrulha rodoviária rural mantida pela Codapar está sendo comprada com recursos do mapa no valor de mais de R$ 600 mil, sendo R$ 487,5 mil com recursos do governo federal e R$ 125 mil do governo do Paraná.

INFRAESTRUTURA – Duas emendas, no valor de R$ 852 mil, serão aplicados em melhorias na infraestrutura da Secretaria da Agricultura para agilizar o atendimento de projetos, sendo uma delas de autoria do deputado Assis do Couto, no valor de R$ 312,5 mil. Serão comprados equipamentos de informática e veículos, proporcionando aos técnicos, condições adequadas para desenvolverem suas atividades em beneficio da Agricultura Familiar.

Outra emenda, no valor de R$ 4,15 milhões, está sendo destinada à Arca (Associação Regional de Cooperação Agrícola), em Querência do Norte, onde estão ocorrendo investimentos na agroindústria para beneficiamento e parboilização do arroz produzido em assentamentos do município.

Desse total, R$ 4,1 milhões serão oriundos do Incra e R$ 50 mil do governo do Paraná, recursos que vão beneficiar 453 famílias de assentados.

http://www.aen.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=80730&tit=Novos-equipamentos-vao-modernizar-cadeia-produtiva-do-leite-no-PR

 

 

Qualquer reivindicação decorrente das informações contidas no site eDairyNews será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, com sede na cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outra jurisdição, incluindo a Federal.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Notas relacionadas