Santa Catarina é lí­der nacional na industrialização de leite

#Portalacteo: Santa Catarina é lí­der nacional na industrialização de leite

Custo competitivo do leite faz Estado crescer 13% no processamento do produto nos últimos cinco anos.

A indústria de laticí­nios colocou o Estado de Santa Catarina como campeã de crescimento na industrialização de leite nos últimos cinco anos, segundo levantamento feito pela Associação Leite Brasil. A região ocupa, atualmente, a quinta posição no ranking nacional, com participação de 8,0% no total de leite produzido no paí­s e a sexta na industrialização (8,2%).

Fato importante é o desempenho do Estado nos últimos cinco anos. De 2007 a 2011, o ritmo de avanço da industrialização do leite no Brasil foi de 5,5% ao ano, como divulgado recentemente pela Leite Brasil. Santa Catarina registrou, no mesmo perí­odo, crescimento de 13% ao ano; aumento que superou o desempenho dos principais Estados na produção de leite, como Paraná (11,6%), Rio Grande do Sul (7,2%), São Paulo (3,8%), Minas Gerais (3,6%) e Goiás (1,4%).

Segundo dados de 2010 do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatí­stica), Santa Catarina detíªm, ainda, a maior produtividade média de rebanho leiteiro, com 2.432 litros/vaca/ano, se comparada com a média do paí­s, que foi de 1.340 litros/vaca/ano.

De acordo com dados do CEPEA – Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada – de julho de 2012, o produtor catarinense recebeu, em média, R$ 0,79 pelo litro do leite, enquanto que a média nacional foi de R$ 0,85 por litro. Este fator tem atraí­do cada vez mais empresas da indústria de laticí­nios para a região e impulsionado a produção.

Os produtores catarinenses aplicam tecnologia na gestão de suas propriedades, além de investirem em pastagens, melhoria no manejo, inseminação artificial e uso de indicadores de desempenho; fatores que explicam o sucesso de Santa Catarina.  Não se trata, portanto, de ser grande ou pequeno produtor, comoo caso da maioria dos que atuam naquele Estado. O relevante, neste cenário, é a busca do aumento da produtividade e redução dos custos por meio de uma gestão profissional.

Para Jorge Rubez, presidente da Leite Brasil, Santa Catarina é essencial para o desenvolvimento da produção nacional de leite. “Esta região do Paí­s dá o exemplo de como um pequeno produtor de leite pode trabalhar com eficiíªncia, aumentando sua produção e produtividade na cadeia nacional.”

http://ultimoinstante.com.br/pt/noticias_20120904/setores_agronegocio/132198/Santa-Catarina-%C3%A9-l%C3%ADder-nacional-na-industrializa%C3%A7%C3%A3o-de-leite.htm#axzz25bQPtByr

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top