Presidente diz que fraude do leite é na produção

Presidente diz que fraude do leite é na produção

 

O diretor da Fundação de Ação Comunitária (FAC), Ramalho Leite, garantiu em entrevista ao programa Rede Verdade da TV Arapuan nesta quinta (17) que a Instituição não foi indiciada pela Polí­cia Federal (PF) e apontou que a fraude apontada pela operação Amalteia é na produção do leite e não na distribuição que é responsabilidade da FAC.

“Nossa missão é comprar e atestar que foi entregue”, diz. E acrescentou: “Quem está sendo indiciado não é a FAC, mas os agricultores”.

Leite afirmou que se houve fraude no inicio da cadeia produtiva, a FAC também acaba sendo vitima desse processo. Ele apontou que se for provado que houve conivíªncia de funcionários da instituição ‘o caso muda de figura’. Contudo, no momento, Leite explicou que a FAC não está sendo indiciada, e mesmo tendo enviado uma petição í  juí­za para ter acesso ao processo foi negado. A alegação é que os advogados da Fundação não eram advogados dos indiciados.

“A juí­za não deu o processo aos assessores da FAC porque não era parte, tinha que ser alguém que estivesse sendo indiciado”, destaca.

Contudo, Leite afirmou que por ser um convíªnio executado pela FAC, há o interesse processual em saber do que se trata o processo e apontou o fato de uma diretora ter sido afastada. â€œí‰ preciso que o governo saiba o porque desse afastamento. Não tivemos acesso a nada, a juí­za deu um despacho ontem a noite negando o depacho anterior

O diretor afirmou que na véspera da operação Almateia ele aplicou uma multa de R$ 77mil por falha na distribuição.

Leite afastou o problema da FAC apontando que a polí­cia deve investigar para apurar se houve fraude em outros órgãos. “Problemas com a produção e qualidade do leite é com a Vigilí¢ncia Sanitária e a Secretaria de Agricultura que é o departamento de Vigilí¢ncia de produção animal que deve fazer a fiscalização de laticí­nios. Se o problema for fraude no credenciamento do produtor quem faz isso é a EMATER (Empresa de Assistíªncia Técnica e Extensão Rural da Paraí­ba). Se for fraude nessa direção é problema de polí­cia”, diz.

http://www.paraiba.com.br

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top