Produtor vai vender leite a R$ 0,83

#Produtor vai vender leite a R$ 0,83

O Diário Oficial da União publicou, na edição de 23 de julho de 2012, a Resolução nº 47 (20 de julho de 2012)

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri e do Norte de Minas (Sedvan) realizou quinta-feira (2), na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, reunião técnica com representantes dos 46 laticí­nios que participam do Programa Leite Fome Zero – Um Leite pela Vida. A pauta central do encontro foi em torno dos detalhes operacionais para efetivação do novo preço, em vigor desde o último dia 1º de agosto após o aumento, a ser pago diretamente na conta bancária de cada pequeno produtor familiar.

O Diário Oficial da União publicou, na edição de 23 de julho de 2012, a Resolução nº 47 (20 de julho de 2012) que estabelece o aumento do preço para aquisição de leite em Minas Gerais para utilização pelo Programa Um Leite pela Vida. Assim, o valor a ser pago ao pequeno produtor familiar passou de R$ 0,70 para R$ 0,83 por litro.

A decisão do reajuste do preço do leite a ser pago ao produtor foi tomada pelo Grupo Gestor do Programa de Aquisição de Alimentos, formado por cinco ministérios, no í¢mbito do Programa de Aquisição de Alimentos – Incentivo í  Produção e ao Consumo de Leite (PPA – Leite). O preço a ser pago aos laticí­nios permanece em R$ 0,52 por litro do produto, perfazendo R$ 1,35 como preço final.

A medida atende í  reivindicação da Sedvan e do Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Idene), seu braço operacional.

Fonte: O Nortão

Tags: , ,
Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top