#Queijo em laboratório

#Queijo em laboratório

 

 

Um grupo de pesquisadores americanos está tentando criar um queijo vegano, ou seja, um queijo que não utiliza leite de vaca em sua composição. Trata-se de uma produção laboratorial, que consiste na elaboração de um tipo de queijo derivado de leveduras, que foi modificado para gerar as proteínas reais do leite. O foco é que o queijo seja bem parecido com o tradicional em questões de textura e sabor, porém sem adicionar o leite extraído do animal. As pesquisas pelo queijo vegano iniciaram-se a algum tempo com o biólogo, Marc Juul, que realizou as pesquisas por meio da engenharia genética. Atualmente, o biólogo e um grupo de pessoas do Counter Culture Labs e do BioCurious tentam concluir o produto a tempo para a competição global International Genetically Engineered Machine, que irá acontecer no mês de outubro. O programa conseguiu arrecadar cerca de R$ 17 mil em um financiamento coletivo no Indiegogo. O processo para se chegar ao queijo vegano passa ainda por várias etapas. A equipe pesquisou genomas animais para chegar a sequências genéticas de proteínas lácteas. Desta maneira, as sequências genéticas são introduzidas em levedura, onde poderão produzir a proteína do leite. Posteriormente, a proteína purificada é mesclada ao substituto vegano da gordura do leite, água e açúcar para poder elaborar o leite vegano, Após todo o procedimento, o processo parar criar o queijo poderá ser iniciado.

http://www.brasiliaemdia.com.br/component/content/article/209-edicao-902/2654-empresas-a-negocios

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top