Rússia diz que autorizará aumento de compra de carne e #laticínios do Brasil – eDairyNews Últimas notícias
Sin categoría |7 agosto, 2014

Indústria | Rússia diz que autorizará aumento de compra de carne e #laticínios do Brasil

  A Rússia irá permitir que o Brasil aumente significativamente suas exportações de carne e laticínios ao país, disse o…

 

A Rússia irá permitir que o Brasil aumente significativamente suas exportações de carne e laticínios ao país, disse o serviço veterinário e fitossanitário russo nesta quarta-feira (6).

Informação é do serviço veterinário e fitossanitário russo.
Em junho, país havia suspendido importação de carne suína na BRF.

 

A Rússia irá permitir que o Brasil aumente significativamente suas exportações de carne e laticínios ao país, disse o serviço veterinário e fitossanitário russo nesta quarta-feira (6).

“A decisão será finalizada esta noite”, disse o porta-voz do órgão, Alexei Alekseenko.

Em junho, a Rússia havia suspendido temporariamente as importações de carne suína da unidade da BRF de Uberlândia após detectar a presença do aditivo alimentar “ractopamina” em carregamentos. Em nota, a BRF negou utilizar ractopamina em animais cuja carne é exportada para a Rússia.

A organização relatou que não foi notificada oficialmente sobre resultados de testes realizados pelas autoridades russas para uso da substância na unidade de Uberlândia. A BRF informou ainda que as cargas embarcadas do Brasil são acompanhadas de certificado sanitário, acordado entre as autoridades sanitárias de ambos os países.

http://g1.globo.com/economia/agronegocios/noticia/2014/08/russia-diz-que-autorizara-aumento-de-compra-de-carne-e-laticinios-do-brasil.html

 

 

 

Qualquer reivindicação decorrente das informações contidas no site eDairyNews será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, com sede na cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outra jurisdição, incluindo a Federal.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Notas relacionadas