Segundo dados, Paraná se mantém como o segundo maior produtor de

Segundo dados, Paraná se mantém como o segundo maior produtor de leite do País

 

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Paraná se destaca como maior produtor de leite pelo segundo ano consecutivo. A pesquisa foi divulgada no mês de setembro de 2016 e afirma que Paraná e os estados do Sul tiveram grande avanço na produção de leite, o que diminuiu nos demais estados.

As pesquisas do IBGE revelaram que o Paraná vem progredindo em ritmo acelerado nos últimos dez anos, com avanço de 75% de 2,7 bilhões de litros de leite no ano de 2006, para 4,7 bilhões de litros de leite no ano passado (2016), aumento de 2 milhões de litros.
Em 2016, o Brasil alcançou em produção de 33,6 bilhões de litros de leite, o que correspondeu a uma queda de 2,8% em comparação ao ano de 2015. O volume produzido atingiu 34,6 bilhões de litros, conforme pesquisa do IBGE em 2016, e no Paraná subiu para 4,7 bilhões de litros, 1,5 bilhão a mais que em 2015.

De acordo com o Departamento Rural da Secretaria da Agricultura e Abastecimento, a produção de leite no Paraná alavancou para R$ 4,8 bilhões, com faturamento de R$ 6 bilhões no ano de 2016, 20% a mais que no ano anterior, o que é um ótimo indicativo.

Outros estados avançam na produção de leite
Os estados de Rio Grande do Sul e Santa Catarina tiveram um aumento na produção leiteira, o que levou a região Sul do Brasil a se sobressair como maior produtora, com 12,45 bilhões de litros no ano de 2016, correspondendo a um crescimento de 1,1% em comparação com o ano passado.

Comparado aos avanços dos estados do Sul, Minas Gerais segue como maior produtor leiteiro, com 8,97 bilhões de litros no ano de 2016. Houve uma queda de 1,9% em relação ao ano passado, sendo que o estado teve uma produção de 9,14 bilhões de litros.

Dados pesquisados pelo IBGE confirmam que o estado de Goiás sofreu grande queda, de 16,6%, pois a produção caiu de 3,5 bilhões de litros em 2015 para 2,93 bilhões no ano seguinte. São Paulo também sofreu uma queda de 4,6% em produção de leite, passando de um volume de 1,77 bilhão para 1,69 bilhão em 2016.

Problemas climáticos e a crise

O médico veterinário Fabio Mezzadri, do Deral, enfatizou que problemas climáticos como secas em algumas regiões e muitas chuvas em outras foram responsáveis pela queda no último bimestre de 2016.
Segundo ele, outros problemas impediram o aumento da atividade por conta da economia frágil e inflação, que teve como resposta um menor poder de compra da classe consumidora.

Sistemas de gestão para indústria de laticínios

A Magistech é uma empresa com amplo conhecimento e experiência no desenvolvimento de sistema de gestão para industrias, com destaque em laticínios a mais de 15 anos. A mesma conta com o sistema ERP para empresas com funções planejadas especialmente para as indústrias lácteas, que poderão desempenhar suas funções com muito mais praticidade, segurança e eficiência, o que consequentemente resultará em uma economia considerável de custos.

/exame.abril.com.br/negocios/dino/segundo-dados-parana-se-mantem-como-o-segundo-maior-produtor-de-leite-do-pais/

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top