Startup canadense de lácteos ganha US$ 1 milhão em competição internacional de tecnologia

Startup canadense de lácteos ganha US$ 1 milhão em competição internacional de tecnologia

SomaDetect, uma empresa canadense de inteligência artificial que permite aos produtores de leite monitorar a qualidade do leite e a saúde das vacas em tempo real, recebeu US$ 1 milhão para estabelecer um espaço de desenvolvimento de incubadoras em Buffalo, Nova York. A empresa também receberá um espaço grátis para incubadoras em Buffalo (onde deve operar por pelo menos um ano) e orientação estratégica de mentores em áreas relacionadas.

A tecnologia da SomaDetect começou com a detecção de contagem de células somáticas e teor de gordura no leite cru. A empresa desenvolveu novos métodos para detectar a presença de progesterona, proteína, gordura, resíduos de antibióticos e contagem de células somáticas em leite cru sem a necessidade de reagentes ou consumíveis. Esses novos desenvolvimentos permitirão que os agricultores monitorem o status reprodutivo e a saúde de seu rebanho e gerenciem doenças enquanto produzem um leite de consumo seguro para a questão dos antibióticos, comentou a empresa.

“Nosso desenvolvimento garante aos produtores que, quando surgirem problemas, eles saberão sobre isso. O desenvolvimento reduz a penalidade aos produtores de leite e age como parte do seu programa de garantia de qualidade na fazenda”, disse a CEO da SomaDetect, Bethany Deshpande.

A empresa pilotou a tecnologia em fazendas leiteiras em Nova Brunswick, Canadá, e é capaz de fornecer aos produtores análise automatizada em tempo real da qualidade do leite.

Tags: ,
Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top