Uruguai: Presidente da Conaprole avalia alguns "sinais inquietantes" do mercado

Uruguai: Presidente da Conaprole avalia alguns “sinais inquietantes” do mercado

Durante o primeiro semestre desse ano, o mercado internacional de lácteos está gerando sinais de preocupação frente a uma maior oferta e, além do bom momento que está vivendo o setor, “há sinais inquietantes e é bom que os produtores tenham conhecimento dessa conjuntura”, disse o presidente da Cooperativa Nacional de Produtores de Leite do Uruguai (Conaprole), Alvaro Ambrois.

As exportações de lácteos do Uruguai durante os primeiros dois meses de 2012 totalizaram US$ 111,1 milhões com a venda de 36.000 toneladas de diferentes produtos a um preço médio de US$ 2.931 por tonelada em janeiro e US$ 3.294 em fevereiro, frente aos US$ 3.512 por tonelada de 2011. Precisamente, espera-se uma pressão de baixa nos preços mundiais do leite para o final do ano, depois de os valores internacionais terem aumentado em 8% nos últimos meses.

De acordo com o relatório do primeiro trimestre do ano do Rabobank (Rabobank Dairy Quarterly), o clima extremamente bom na maioria das regiões produtoras de lácteos do mundo tem agravado o impacto nos altos preços do leite, direcionando o crescimento da oferta de forma mais rápida do que podiam absorver os consumidores ocidentais ( veja matéria relacionada)

A indústria exportadora de lácteos do Uruguai insiste em afinar os negócios com os mercados asiáticos, mas não devem superar sérios problemas tarifários, o que nos obriga a trabalhar nesse sentido, disse Ambrois.

Por outro lado, frente í s ações desenvolvidas pelos membros do setor leiteiro do Brasil, que reiteraram sua intenção de que também o Uruguai receba cotas para entrada de seus produtos lácteos nesse mercado, assim como ocorre com a Argentina, Ambrois disse que “se acompanha com preocupação esse tema que não é novo”.

“Obviamente que a Conaprole tem também uma ferramenta importante que é desenvolver seu potencial na diversificação dos mercados. Não vamos nos esquecer que as exportações chegam a 80 paí­ses do mundo”, concluiu ele.

A reportagem é do El Observador

Toda reclamação originada das informações contidas no site de eDairy News será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, sediado na Cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outro local, incluso o Federal.

*

Critérios na moderação de comentários em termos de publicação e Notícias de produtos em todas as suas publicações.

  • No sé considerarán insultos de qualquer tipo em contra de qualquer persona, sea usuario, moderador ó editor. Apenas se aceitar denuncias realizadas com nome e apelido do autor do comentario, previa confirmação de moderador.
  • Críticas destructivas infundadas e gratuitas, expressões de mal gusto, sean ofensivas, racistas ou xenófobas.
  • Hacer SPAM, (Insertar vínculos de páginas web sem links para o tema, correções eletrônicas, etc ...)
  • Comentários que não tem sentido com a nota no setor lácteo.

Related posts


Top