A China mantém o ritmo de importação de lácteos – eDairyNews Últimas notícias
Brasil China |4 agosto, 2020

Leite | A China mantém o ritmo de importação de lácteos

Os últimos dados da alfândega mostram que entre janeiro e junho deste ano a China manteve o crescimento das suas importações de lácteos, ainda que a um ritmo um pouco menor que antes.

Importações/China – Os últimos dados da alfândega mostram que entre janeiro e junho deste ano a China manteve o crescimento das suas importações de lácteos, ainda que a um ritmo um pouco menor que antes.

As importações totais superaram US$ 6,2 milhões, ou seja, 6% mais que em igual período de 2019, segundo boletim do Dairy News.

Na China, o leite em pó integral (WMP) foi o produto que sofreu o maior impacto no primeiro semestre do ano. Em volume as compras de WMP cresceram apenas 1,4%, quando em igual período do ano passado o crescimento foi de 30,2%. O leite em pó desnatado (SMP) teve comportamento adverso e caiu 12,%. Juntos, WMP e SMP, caíram 4%, chegando a 583.000 toneladas.

As fórmulas infantis, o crescimento das importações foi quase nulo, apenas 0,5%, totalizando 171.000 toneladas. No primeiro semestre de 2019 o incremento deste produto foi de 15%.

A recuperação do soro de leite é explicada por dois fatores: o aumento das criações de porcos na China e a distensão das tensões comerciais entre a China e os Estados Unidos que é o maior fornecedor desse produto para a China. O aumento das compras foi de 32%, chegando a 275.000 toneladas.

A manteiga também teve um crescimento significativo, 40% com a compra de 65.000 toneladas.

O maior fornecedor de lácteos para a China é a Nova Zelândia, mas, no primeiro semestre do ano os envios cresceram somente 0,3%.

Distinta é a situação dos Estados Unidos, que aumentou 62,3% suas remessas para a China. A União Europeia aumentou o volume em 8%.

Aviso legal sobre propriedade intelectual em conteúdo digital

Todas as informações contidas nestas páginas que NÃO são de propriedade da eDairy News e NÃO são consideradas "de domínio público" pelos regulamentos legais são marcas registradas de seus respectivos proprietários e reconhecidas por nossa empresa como tal. A publicação no site eDairy News é feita com a finalidade de coletar informações, respeitando as normas contidas na Convenção de Berna para a Proteção das Obras Literárias e Artísticas; na Lei 11.723 e demais normas aplicáveis.

Qualquer reivindicação decorrente das informações contidas no site eDairyNews será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, com sede na cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outra jurisdição, incluindo a Federal.

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Notas relacionadas