La dirección de Danone ha trasladado este viernes a la representación sindical una propuesta de cese de actividad de la fábrica que tiene en la localidad asturiana de Salas, que cuenta con 79 trabajadores.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
FÁBRICA DANONE EM SALAS

Segundo a Danone, a empresa e os representantes dos trabalhadores abrirão um processo de diálogo “para oferecer as melhores soluções possíveis” e tentar chegar a “um acordo que satisfaça os interesses de todas as partes”.

A fábrica de Salas, inaugurada em 1981, fabrica principalmente queijo fresco, creme de queijo e sobremesas quentes.

A empresa explicou que esta decisão é parte de um processo de racionalização, dada a necessidade de se adaptar “às tendências atuais e futuras do consumidor e, ao mesmo tempo, garantir a eficiência das operações industriais para continuar a construir o futuro das marcas e consolidar sua competitividade”.

Fontes da empresa indicaram que a fábrica da Salas é dedicada à fabricação de produtos que atualmente não são muito procurados pelos consumidores.

Também destacaram que as instalações passaram por alguns investimentos tecnológicos nos últimos anos que não produziram os resultados esperados.

Segundo a Danone, “a proposta de cessar a atividade da fábrica” vem “após um minucioso período de reflexão e análise”.

No entanto, ela assegurou que mantém seu compromisso com o território e, portanto, “manterá relações com os produtores locais de laticínios para continuar fornecendo os outros centros de produção da empresa”.

 

Traduzido com DeepL

O Ministro da Agricultura, Pecuária e Pesca da Nação, Julián Domínguez, realizou uma reunião bilateral com seu homólogo brasileiro, Marcos Montes Cordeiro.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER