A multinacional anunciou que deixará de promover produtos com alto teor de açúcar, destinados a crianças e adolescentes menores de 16 anos.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

A Nestlé, uma das empresas líderes mundiais de alimentos, anuncia que até meados de 2023 deixará de anunciar doces e bebidas açucaradas para crianças menores de 16 anos na televisão e na internet, incluindo as mídias sociais, a partir de 1 de julho de 2023, em todos os mercados onde a empresa opera.

Esta nova política expande a decisão da empresa em 2017, quando ela estabeleceu seu compromisso com crianças levando vidas saudáveis, e proíbe anúncios destinados a crianças de 0 a 6 anos de idade. Com esta nova decisão, a Nestlé não poderá promover produtos como biscoitos, açúcar, barras de chocolate, bebidas com adição de açúcares e sorvetes para crianças menores de 13 anos.

Como observado pela Vice-Presidente Maureen Enright da Iniciativa de Publicidade Infantil para Alimentos e Bebidas (CFBAI), o anúncio da Nestlé “é outro grande sinal do compromisso contínuo das empresas alimentícias com o marketing responsável para as crianças”.

“Nestlé For Healthier Kids” iniciativa para a saúde das crianças

A Nestlé destaca que, desde 2017, conseguiu reduzir em 5,1% a adição de açúcar em seus produtos. Esta iniciativa e a decisão de parar de promover este tipo de produto para crianças menores de 16 anos está ligada ao programa Nestlé For Healthier Kids, que, como a Nestlé aponta, já ajudou mais de 80 milhões de crianças a aprender mais sobre boa nutrição e estilos de vida saudáveis.

Vários países, incluindo a Espanha, possuem leis que proíbem este tipo de publicidade, mas a empresa adotou voluntariamente esta medida publicitária. “A Nestlé é uma das primeiras empresas de alimentos e bebidas a adotar voluntariamente padrões tão rigorosos”, disse a empresa ao anunciar a nova política de marketing.

Nos EUA, várias empresas optaram por deixar de comercializar tais produtos para consumidores menores de 13 anos, exceto aquelas que atendem aos critérios de auto-regulamentação para publicidade de alimentos e bebidas para crianças. Além disso, a Nestlé se compromete a não solicitar ou coletar informações sobre crianças, e só trabalhará com influenciadores que tenham mais de 18 anos.

Ano de 2021 terminou com dificuldades para os laticínios, mas cenário piorou durante 2º semestre de 2022.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER