Um amigo que vive na Nova Zelândia está planejando se mudar diante da catástrofe que está por vir para os Kiwis.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

São quatro da manhã na segunda-feira e meu telefone não pára de tocar, por causa do horário incomum que assumi ser uma emergência, então assustei-me ao abrir o Whatsapp, esperando o pior. Foi um ex-aluno do ensino médio que me escreveu desesperado porque tinha lido os jornais. Eu não podia acreditar que alguém tinha me acordado naquela hora para falar sobre as notícias, mas eu estava tão assustada que já estava acordada e decidi responder.

– Estou desesperado, a Nova Zelândia vai ficar sem leite em três anos, não sei o que vou fazer, vou me mudar para a Austrália.

– Pare, o que aconteceu, as vacas estão morrendo? Os ambientalistas e veganos realizaram seu sonho de fechar todas as fazendas de laticínios? O que aconteceu?

– A mesa Kiwi está ficando sem leite!!!!

– Por quê?

– Em três anos haverá tarifa zero para exportar leite para a China, e assim, qualquer produtor de leite preferirá vender para os chineses do que abastecer o mercado interno.

De onde você tira essa loucura?

– Pelo que você me ensinou. Sempre me lembro de você me dizer que tem que ler tudo, não se casar com uma idéia, e eu acabei de ler duas notícias, e quando você as conecta você obtém esse resultado.

– Vamos ver, diga-me, eu não entendo nada.

– É muito simples. Eu estava lendo a entrevista com Alberto Fernández na Página 12 e me pareceu razoável o que ele disse sobre os fazendeiros preferindo vender sua carne aos chineses e não aos argentinos, é claro, os chineses têm dinheiro e lá eles estão todos secos de acordo com o que meu velho me diz. E um tempo depois descubro que seu homônimo, Damien O’Connor, Ministro do Comércio e Crescimento das Exportações da Nova Zelândia, assinou um acordo com os chineses para que em três anos o leite em pó neozelandês exportado para a China tenha tarifa zero. E eles querem vendê-la para mim como uma boa notícia!!!!

– Mas é uma boa notícia, pelo menos para a Nova Zelândia.

– Então, o que vou tomar para o café da manhã daqui a três anos? Não, o que está acontecendo com você não vai acontecer comigo, estou me mudando para a Austrália, que agora está lutando com os chineses e não poderá vender-lhes um litro a mais.

– E por que você não vem à Argentina, aqui eles cuidam da mesa e você tem seus afetos, sua família, futebol, dulce de leche e os produtos lácteos mais baratos do mundo!

– Naaa, eu posso ser populista, mas não como vidro, no mundo está chovendo sopa e ali eles estão sentados com um garfo na mão.

Inventados para aliviar o trabalho nas salas de cura, eles ajudam na metamorfose dos queijos suíços.”

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER