Alta no preço do leite pago ao produtor em abril – eDairyNews Últimas notícias
Brasil |6 mayo, 2021

Leite | Alta no preço do leite pago ao produtor em abril

Depois de três meses de queda, o preço do leite pago ao produtor subiu no pagamento realizado em abril, referente ao leite entregue em março deste ano. 

 

Depois de três meses de queda, o preço do leite pago ao produtor subiu no pagamento realizado em abril, referente ao leite entregue em março deste ano.

Considerando a média ponderada dos dezoito estados pesquisados pela Scot Consultoria, houve alta de 1,4% frente ao pagamento anterior.

Na comparação anual, o produtor está recebendo 37,6% a mais esse ano.

Para o pagamento a ser realizado em maio/21 (produção entregue em abril/21), a expectativa é estabilidade a alta nos preços do leite pago ao produtor, com 58,0% dos laticínios pesquisados acreditando em estabilidade, 22% falando em alta e 19% estimando queda (laticínios no Nordeste). Vai depender da evolução da demanda.

De maneira geral, o clima (e os reflexos na produção de leite) e a demanda interna são os principais fatores de direcionamento dos preços do leite no mercado interno nos próximos meses.

Aviso legal sobre propriedade intelectual em conteúdo digital

Todas as informações contidas nestas páginas que NÃO são de propriedade da eDairy News e NÃO são consideradas "de domínio público" pelos regulamentos legais são marcas registradas de seus respectivos proprietários e reconhecidas por nossa empresa como tal. A publicação no site eDairy News é feita com a finalidade de coletar informações, respeitando as normas contidas na Convenção de Berna para a Proteção das Obras Literárias e Artísticas; na Lei 11.723 e demais normas aplicáveis.

Qualquer reivindicação decorrente das informações contidas no site eDairyNews será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, com sede na cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outra jurisdição, incluindo a Federal.

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Notas relacionadas