Os presentes puderam apreciar os produtos derivados do leite de cabra e seus processos de fabricação.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Em uma área que abrange além de Iguatu, Jucás, Quixelô e Cedro, cerca de 150 produtores são acompanhados pelo Programa de Desenvolvimento Territorial do Banco do Nordeste (PRODETER). O programa incorpora um conjunto de estratégias com objetivo de potencializar a competitividade das atividades produtivas regionais. Nesta sexta-feira, 04, no campus Humberto Teixeira aconteceu o lançamento do projeto que visa ainda estruturação da cadeia produtiva do leite na ovinocaprinocultura nos municípios na Região Centro-Sul.

Somente a cidade de Iguatu nos últimos dois meses teve uma produção recorde de 4 mil litros de leite. Em apoio a cadeia produtiva as cidades da região vem recebendo tanques de resfriamentos. As cidades pleiteiam uma usina de beneficiamento de leite na ideia de agregar valor à produção. Hoje o leite produzido nos municípios é enviado para uma usina na cidade de Tauá.

Anúncio

Os presentes puderam apreciar os produtos derivados do leite de cabra e seus processos de fabricação. Foram mostrados pelos produtores queijos do tipo coalho natural, produzidos com leite caprino e adicionados com produtos como orégano, canela e pimenta, bem como bolos e doces. Teve espaço para apresentação da indústria couro-calçadista que opera com peles caprina e ovina está em franca ascensão na região.

“Enxugar gelo”. Você já sentiu essa interminável sensação?

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER