#China vai reduzir tarifas sobre vários itens importados – eDairyNews Últimas notícias
China |18 diciembre, 2012

Indústria | #China vai reduzir tarifas sobre vários itens importados

A China vai reduzir as tarifas sobre uma variedade de itens importados no próximo ano. O objetivo é impulsionar a…

A China vai reduzir as tarifas sobre uma variedade de itens importados no próximo ano. O objetivo é impulsionar a demanda doméstica e promover a modernização industrial.

As tarifas serão reduzidas, principalmente, em matérias-primas e bens intermediários, assim como em alguns produtos de consumo, informou nesta segunda-feira (17) o Ministério das Finanças. O governo chiníªs também informou, sem dar detalhes, que essas reduções de tarifas serão temporárias.

Os produtos de consumo incluem leite em pó e aparelhos médicos como marca-passos. Já os bens intermediários incluem robí´s de linha de montagem de automóveis, baterias de lí­tio e diodos emissores de luz. As matérias-primas incluem aquelas destinadas í s estratégicas indústrias emergentes, como tungstíªnio e argila cerí¢mica, e para as commodities agrí­colas como alfafa.

http://diariodonordeste.globo.com/noticia.asp?codigo=351018&modulo=968

Aviso legal sobre propriedade intelectual em conteúdo digital

Todas as informações contidas nestas páginas que NÃO são de propriedade da eDairy News e NÃO são consideradas "de domínio público" pelos regulamentos legais são marcas registradas de seus respectivos proprietários e reconhecidas por nossa empresa como tal. A publicação no site eDairy News é feita com a finalidade de coletar informações, respeitando as normas contidas na Convenção de Berna para a Proteção das Obras Literárias e Artísticas; na Lei 11.723 e demais normas aplicáveis.

Qualquer reivindicação decorrente das informações contidas no site eDairyNews será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, com sede na cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outra jurisdição, incluindo a Federal.

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Notas relacionadas