Codevasf discute aumento da produção de #leite de cabra no Piauí – eDairyNews Últimas notícias
Piauí |25 febrero, 2014

Indústria | Codevasf discute aumento da produção de #leite de cabra no Piauí

  Entre os assuntos discutidos foi abordada a possibilidade do aumento da produção de leite de cabra e derivados no…

 

Entre os assuntos discutidos foi abordada a possibilidade do aumento da produção de leite de cabra e derivados no Piauí

O fomento à ovinocaprinocultura no Piauí foi tema de encontro entre representantes da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), produtores da Associação dos Criadores de Ovinos e Caprinos do município de Esperantina – AOVICAPRE / COCAIS e representantes de instituições ligadas ao desenvolvimento da atividade na região.

 

 

Entre os assuntos discutidos foi abordada a possibilidade do aumento da produção de leite de cabra e derivados no Piauí, devido ao grande potencial produtivo e à rentabilidade do produto, a implantação de Unidades de Transferência Tecnológica com produção e disponibilização de reprodutores e matrizes de genética superior de caprinos e a concretização dos campos irrigados para o aumento da produção de palma e mandioca visando à posterior criação de banco de forragens para os rebanhos dos produtores.

 

A Codevasf é a responsável pela inserção dos campos irrigados de palma e mandioca na região. O projeto está em fase inicial de implantação, onde estão sendo realizados estudos para verificar quais são as melhores regiões para se inserir os campos de produção das respectivas culturas.

 

A produção de palma e mandioca, por meio dos campos irrigados, visa o abastecimento próprio e, principalmente, a propagação das sementes para que outros produtores de diferentes regiões do Estado possam cultivar as espécies, produzindo alimentação adequada para os seus rebanhos, é o que explica o gerente Regional de Revitalização da Bacia Hidrográfica da Codevasf no Piauí, Ocelo Rocha.

 

“A finalidade principal desses campos irrigados não é a produção para abastecimento próprio, mas sim a ideia de difusão tecnológica por meio de um banco de produção de palma e mandioca para fornecimento a outros produtores, possibilitando assim, que outras famílias de agricultores também explorem essas culturas e abasteçam seus rebanhos em especial nas épocas de estiagem”, acrescentou Ocelo.

 

De acordo com o diretor Administrativo da AOVICAPRE / COCAIS, Paulo Brasil, os investimentos da Codevasf em todas as fases de produção têm sido de grande relevância para o aumento dos resultados, especialmente com o incentivo da implantação dos campos irrigados, visando o cultivo das culturas adequadas para produção de alimentos para os animais. “Com essa proposta da Codevasf de implantar bancos de alimentos por meio da produção de palma e mandioca nos campos irrigados, nós vamos conseguir uma segurança alimentar e consequentemente aumentar o rebanho da cabra leiteira”, completou.

 

Da Redação

redacao@cidadeverde.com

Aviso legal sobre propriedade intelectual em conteúdo digital

Todas as informações contidas nestas páginas que NÃO são de propriedade da eDairy News e NÃO são consideradas "de domínio público" pelos regulamentos legais são marcas registradas de seus respectivos proprietários e reconhecidas por nossa empresa como tal. A publicação no site eDairy News é feita com a finalidade de coletar informações, respeitando as normas contidas na Convenção de Berna para a Proteção das Obras Literárias e Artísticas; na Lei 11.723 e demais normas aplicáveis.

Qualquer reivindicação decorrente das informações contidas no site eDairyNews será submetida à jurisdição dos Tribunais Ordinários do Primeiro Distrito Judicial da Província de Córdoba, República Argentina, com sede na cidade de Córdoba, com exclusão de qualquer outra jurisdição, incluindo a Federal.

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Notas relacionadas