IICP subiu 45,13%
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

O Índice de Inflação dos Custos de Produção (IICP), calculado pela Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul), subiu 45,13% nos últimos 12 meses e estabeleceu um novo recorde dentro da série histórica (iniciada em 2010). Somente em novembro, a variação foi de 4,57%. Segundo a entidade, o resultado reflete a menor oferta de insumos, que encareceu os preços, e a nova alta na taxa de câmbio. A equipe econômica da Farsul também lembra que os custos cresceram 45,44% no acumulado deste ano, bem mais do que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que acumula alta de 9,26% de janeiro a novembro.

Já o Índice de Preços Recebidos pelos Produtores (IIPR) teve nova queda em novembro, de 2,75%. As maiores retrações foram observadas no leite e no arroz, em razão da queda no consumo. Nos últimos 12 meses, o índice aponta para uma queda de 7,51%. Em janeiro, o percentual registrava uma alta de 85,11%. Ao mesmo tempo, o IPCA Alimentos aponta alta de 7,04%, o que, segundo a Farsul, comprova o descolamento entre os preços do campo e os preços dos produtos nas gôndolas dos supermercados.

A temperatura percebida está intimamente ligada à temperatura do ambiente que, juntamente com a umidade relativa, aumentam no verão.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

newsletter

ASSINE NOSSO NEWSLETTER