Conseleites esperam alta de 2,5% a 3% no preço do leite em maio. Confira o preço do leite nos estados brasileiros.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Conseleites esperam alta de 2,5% a 3% no preço do leite em maio. Confira o preço do leite nos estados brasileiros.

Segundo as informações da Embrapa Gado de Leite e do IMEA-MT, o preço do leite pago ao produtor em abril teve pequena alta na casa de 2% na comparação com o mês de março/21.

No acumulado dos últimos 12 meses, o leite teve uma correção de preço na casa de 57%, se compararmos com o preço pago ao produtor em março/20.

Essa deveria ser uma boa notícia para os produtores, não fosse a alta dos preços dos insumos alimentares que passou de 74% no último ano, impulsionada especialmente pela alta dos grãos e pela oscilação do real frente ao dolár.

O resultado da equação custo da alimentação versos o preço do leite acabou achatando ainda mais a margem de lucro do produtor.

A situação tem causado diversos problemas em todo país, já ocorreram movimentos de greve do leite em Rondônia e no oeste de Mato Grosso, sendo que esses estados são os que praticam o menor preço pago aos produtores.

Para se ter uma idéia, em Rondônia o preço médio do litro pago ao produtor está em R$1,20/litro, para pagamento com 30 dias, e em Mato Grosso na casa de R$1,60/litro.

O mercado atacadista de produtos derivados do leite tem sentido uma leve alta neste início de maio, sendo que o Leite UHT e a Muçarela subiram 2%, o Leite em pó teve queda de 2% neste início do mês. O Leite Spot acumula queda de 4%.

Foto: Embrapa Gado de Leite – CILeite

PREÇO NOS ESTADOS

O preço do médio do leite, segundo o Cepea/Esalq foi de R$1,98/litro. Nos estados o movimento de leve alta se repete. O preço está praticamente equilibrado entre os estados do Sul, Sudeste, enquanto os estados de MT, MS e RO praticam o preço mais baixo do país.

Nos estados do Sul, no RS o preço médio é de R$1,91/litro, em SC está em R$1,96/litro e no PR em R$1,92/litro.

Em SP o produtor tem recebido em média R$1,98/litro, em MG o valor de R$2,00/litro, e no RJ chegou a R$2,11/litro. No sudeste o menor preço pago ao produtor esta no ES, com preço de R$1,865/litro.

No Centro Oeste o melhor preço está em GO onde o produtor recebe R$1,98/litro na média, Em MT o valor médio pago ao produtor pelo leite captado em março foi de R$ 1,61/l, um dos menores do país. Em MS o preço é de R$1,69.

No Norte, em RO paga-se R$1,20/litro, na Bahia o preço está em R$1,88/litro.

Os demais estados do nordeste não possuem informação centralizada.

Campanha consumo de leite – A Campanha da 1ª Semana do Leite, prevista para ocorrer na primeira quinzena de novembro, foi o tema central da 18ª Reunião da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Leite e Derivados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), realizada nesta sexta-feira (17).

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER