A Danone anunciou uma série de investimentos que, segundo a empresa, fortalecerão as capacidades do mercado local, o apoio e o compromisso de seus negócios especializados em nutrição na China.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Danone anunciou uma série de investimentos que, segundo a empresa, fortalecerão as capacidades do mercado local, o apoio e o compromisso de seus negócios especializados em nutrição na China.

Os investimentos de € 100 milhões (US$ 114 milhões) incluem a abertura de um centro de pesquisa em ciência aberta em Xangai, a aquisição de capacidades locais de fórmulas para leite infantil e a expansão da capacidade de desenvolver ainda mais ofertas de alimentos para fins médicos especiais. Ou seja, alimentos para pessoas cujos requerimentos nutricionais não podem ser atendidos por alimentos normais. Além disso, a empresa anunciou que sua unidade de negócios de nutrição infantil no país obteve a certificação B Corp, tornando-se assim a maior B Corp na Ásia.

O novo Danone Open Science Research Center for Life-Transforming Nutrition será a plataforma da Danone para conduzir estudos e pesquisas na região, com foco no leite materno e na saúde intestinal. A empresa disse que será capaz de desenvolver produtos e serviços nutricionais mais relevantes, baseando-se no conhecimento e ciência locais e contribuindo para a agenda do país “China saudável 2030”.

A instalação reunirá o setor público, instituições médicas e acadêmicas, parceiros de negócios e consumidores, e combinará esforços de mais de 100 pesquisadores nos campos da nutrição e ciência do consumidor, qualidade e segurança alimentar e inovação digital.

O investimento também inclui a aquisição da Murray Goulburn Dairy (Qingdao) Co Ltd da Saputo Dairy Australia. Isso traz consigo uma marca registrada de fórmula para leite infantil e uma instalação em Qingdao. Concluída em junho de 2020, a transação significa que a Danone agora tem sua primeira instalação de produção de fórmula para leite infantil na China.

O investimento também beneficiará as instalações avançadas de nutrição médica da empresa em Wuxi, província de Jiangsu, permitindo o desenvolvimento de soluções de suplementos nutricionais líquidos à base de proteínas e a expansão de alimentos para ofertas de fins médicos especiais, para apoiar nutricionalmente o envelhecimento saudável e facilitar a recuperação de pacientes doentes.

Véronique Penchienati-Bosetta, vice-presidente executiva de nutrição especializada, disse: “Por cerca de trinta anos, a Danone atende às necessidades das pessoas na China, tanto para nutrição precoce como para pessoas doentes ou idosas. A abertura do Open Science Research Center, a aquisição de capacidades locais de fabricação e a certificação B Corp são marcos fundamentais para a presença da Danone na China, pois nos permitirá investir ainda mais responsavelmente na promoção de dietas saudáveis e equilibradas, fundamentadas em pesquisas científicas e adaptadas às necessidades, hábitos e tradições nutricionais e de saúde da China.

“Esse investimento demonstra ainda mais a crença da Danone no potencial de crescimento a longo prazo do mercado de fórmulas para leite infantil, nutrição médica na China e no poder da nutrição de impactar positivamente as trajetórias de saúde”.

 

A companhia de lácteos Fonterra, da Nova Zelândia, obteve lucro de 583 milhões de dólares neozelandeses (US$ 341 milhões), depois de impostos, no ano fiscal 2022, encerrado em 31 de julho. O resultado representa queda de 3% ante o período anterior.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER