Até o dia 24 de abril, a Embrapa Gado de Leite receberá propostas para desenvolver soluções voltadas à cadeia produtiva do leite, por meio de inovação aberta.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
GERAL035 Bovinos de leite- Manejo correto da ordenha Crédito:Kéke Barcelos/Embrapa Usada em 25-10-19 Usada em 26-12-19

Até o dia 24 de abril, a Embrapa Gado de Leite receberá propostas para desenvolver soluções voltadas à cadeia produtiva do leite, por meio de inovação aberta. O edital prevê investimento de recursos financeiros, infraestrutura e a atuação da equipe técnica da Embrapa. Desde empresas de grande porte até microempresas, incluindo produtores rurais, startups e cooperativas, podem submeter propostas. As contrapartidas são variáveis e exigidas de acordo com o projeto e a modalidade da parceria.

O investimento da Embrapa nos projetos que forem aprovados pode chegar a R$ 1,5 milhão, sendo até meio milhão de reais em aporte financeiro. “Nosso time de pesquisadores está ao alcance das empresas. E também nossos laboratórios, fazendas experimentais e rebanhos. Tudo isso é parte do valor informado”, explica o chefe de Pesquisa e Desenvolvimento, Pedro Arcuri.

São esperadas propostas relacionadas a diferentes segmentos da cadeia produtiva, seja a atividade rural, a indústria de insumos, laticínios, logística ou, ainda, projetos que impactem mais de um segmento. Para isso, o edital indica interesse em 18 temas, dentre eles bem-estar animal, geotecnologia, pecuária de precisão, qualidade do leite, sustentabilidade e transformação digital.

Para se candidatar, a organização deve preencher um formulário e apresentar a proposta em vídeo, que pode ser filmado a partir de um celular. A submissão é feita no site da Embrapa, em https://www.embrapa.br/gado-de-leite/edital-desafio-inovacao-aberta.

O processo de inovação aberta é amparado pelo Marco Legal de Ciência, Tecnologia e Inovação, que confere a agilidade e a segurança jurídica necessárias para que organizações públicas e privadas promovam atividades em cooperação técnico-científica, contribuindo para o desenvolvimento econômico e social.

Para incentivar a silagem a secretaria Municipal de agricultura está oferecendo tratores à comunidade.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER