Produtores de proteína animal que precisam de ração também enfrentam dificuldades divido a falta de milho no mercado e preços altos para compra
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Enori Barbieri – Vice Presidente da FAESC
Produtores de proteína animal que precisam de ração também enfrentam dificuldades divido a falta de milho no mercado e preços altos para compra

Podcast

Estiagem em Santa Catarina reduz produção de milho, feijão e leite

Download

 

Santa Catarina enfrenta um grande período de estiagem que já prejudica diversas áreas do agronegócio estadual e da vida dos agricultores, como a falta de abastecimento e necessidade de busca água em caminhões pipa.

Segundo o vice presidente da Faesc, Enori Barbieri, a produção de milho silagem caiu cerca de 40% no estado enquanto as demais áreas de milho perderam 10% na produtividade desta safra 2019/20. Já para a soja os números foram bastante similares aos do ano passado, enquanto a safra de feijão ficou até 60% menor.

Outro impacto da falta de chuvas é a degradação dos pastos para o gado, que já reflete na queda da produção de leite, que já vinha perdendo produtores ao longo dos últimos anos.

Outro fator que preocupa o agronegócio catarinense é a aquisição de ração para os rebanhos animais, como os suínos.  Barbieri destaca que o estado produziu 2 milhões de toneladas de milho, mas precisa consumir 7 milhões e já enfrenta dificuldade para conseguir este volume restante.

A liderança aponta que produtores que estão integrados à cadeia com cooperativas e grandes empresas ainda possuem condições melhores de suporte neste momento, mas que os produtores de suínos independentes já não conseguem fazer as contas com os altos preços do milho.

Confira a entrevista completa com o vice presidente da Faesc no vídeo.

Tendência é que falte matéria-prima com possível desistência da atividade leiteira

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER