Ministério Público moveu dois processos contra ele, um pelo furto de um veículo da Câmara Municipal de Ipanema e outro por envolvimento no roubo de um caminhão carregado de queijo.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Alex José da Silva, ex-vereador de Ipanema (MG) Crédito: Câmara Municipal de Ipanema

Um ex-vereador de Ipanema (MG) foi condenado a mais de 20 anos de prisão em dos processos movidos pelo Ministério Público. Alex José da Silva foi preso preventivamente em julho de 2020, durante a operação Via Láctea, e não terá direito a recorrer das sentenças em liberdade.

No primeiro processo, ele respondeu pelo furto de um veículo pertencente à Câmara Municipal de Ipanema.

Já no segundo, foi indiciado por envolvimento no roubo de um caminhão carregado com cinco toneladas de queijo, pertencente a uma empresa de laticínios. A empresa teve o caminhão e parte da carga restituídos, mas sofreu um prejuízo de R$ 150 mil em razão do crime, que teve a participação de mais 5 sentenciados.

Operação Via Láctea investigou quadrilha responsável por roubo de cargas de queijos em Ipanema — Foto: Tarciane Vasconcelos/Inter TV dos Vales
Operação Via Láctea investigou quadrilha responsável por roubo de cargas de queijos em Ipanema — Foto: Tarciane Vasconcelos/Inter TV dos Vales

Primeiro processo

De acordo com o Ministério Público, o furto do veículo da Câmara ocorreu em agosto de 2019, dentro da garagem do órgão legislativo.

O carro avaliado R$ 42 mil foi vendido por R$ 4 mil a outra pessoa, que foi denunciada pelo MP por receptação qualificada, no mesmo processo, mas foi absolvida pela Justiça. O MP vai dessa decisão.

Por esse crime, o ex-vereador foi condenado por peculato e recebeu pena de 5 anos e 8 meses de reclusão, multa, além da obrigação de pagar R$ 42 mil para reparar o dano causado pelo crime.

Segundo processo

Já o roubo de um caminhão de laticínios ocorreu em 2020, quando o motorista da empresa foi rendido e levado pelos criminosos enquanto um dos indivíduos fugia com o caminhão e a carga de queijo.

O ex-vereador e outras cinco pessoas foram denunciadas por crime de roubo e organização criminosa. Alex José Silva foi condenado à pena de 14 anos, 8 meses e 10 dias de reclusão, além da obrigação de pagar R$150 mil à empresa de laticínio.

O evento terá formato híbrido, com atividades presenciais em Itabaiana e transmissão ao vivo.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER