Secretaria de Agricultura realizou a entrega de seis tanques resfriadores de leite para cooperativa de produtores da agricultura familiar.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Os tanques resfriadores, com capacidade de armazenamento de 1.950 litros de leite cada um, serão distribuídos em pontos estratégicos no DF e Entorno, permitindo o adequado armazenamento do leite | Fotos: Ascom/Seagri-DF

Nesta sexta-feira (7), foi realizada a primeira importante entrega da Secretaria da Agricultura do Distrito Federal (Seagri-DF) no ano de 2022. Foram seis tanques resfriadores de leite fornecidos à Cooperativa Mista da Agricultura Familiar do Meio Ambiente e da Cultura do Brasil (CoopBrasil/Coopindaiá).

Os tanques resfriadores, com capacidade de armazenamento de 1.950 litros de leite cada um, foram licitados por Chamamento Público, sendo disponibilizados pela Seagri para gestão por parte da cooperativa.

Os equipamentos serão distribuídos em pontos estratégicos no DF e Entorno, permitindo o adequado armazenamento do leite até a coleta pela cooperativa e envio ao laticínio, para processamento. Com isso, serão beneficiados diretamente cerca de 80 produtores de leite associados à Coopindaiá.

“O governador tem tanto interesse que essa questão da cadeia leiteira seja resolvida, que o GDF vai comprar a produção do leite”Candido Teles, secretário de Agricultura

O secretário de Agricultura, Candido Teles, destacou que a entrega é mais uma iniciativa do governo Ibaneis Rocha para o fortalecimento da cadeia produtiva leiteira do DF e Entorno. “O governador tem tanto interesse que essa questão da cadeia leiteira seja resolvida, que o GDF vai comprar a produção do leite. Não vão faltar recursos, não vão faltar investimentos, não vai faltar crédito e não vai faltar o cliente, o grande comprador de leite, que é o Governo do Distrito Federal”, afirmou Candido Teles.

Segundo o presidente da Coopindaiá, Luciano Andrade, a cooperativa tem estrutura e interesse em atender o mercado institucional. “Hoje temos uma produção de mais de 40 mil litros de leite por dia. Esses tanques vão fortalecer os pequenos produtores. E temos muito interesse no mercado institucional, que ajuda a garantir trabalho e melhorar a renda dos produtores rurais”, ressaltou Andrade.

Compra institucional

A boa notícia para os pequenos produtores de leite da região é que está prevista ainda para 2022 a aquisição, com recursos do GDF, de manteiga e queijo, destinados à alimentação dos alunos da rede pública do DF.

A demanda foi apresentada pela Secretaria de Educação à Seagri, para aquisição dos produtos lácteos, por meio do Programa de Aquisição da Produção da Agricultura (Papa-DF). O investimento do governo na aquisição será de quase R$ 10 milhões.

A questão foi pauta da visita do secretário de Agricultura, Candido Teles, à secretária de Educação, Hélvia Paranaguá, realizada em 2021, e busca a inclusão de leite e seus derivados na alimentação escolar.

A aquisição atende à Lei Distrital Nº 5.771/2016, que determina que no mínimo 30% dos recursos financeiros do Tesouro do DF, usados para a alimentação escolar, sejam voltados para aquisições diretamente da agricultura familiar.

*Com informações da Secretaria de Agricultura do DF

A fraca demanda pressionou o valor, que caiu 0,6% no mês e 5,6% em 12 meses.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

newsletter

ASSINE NOSSO NEWSLETTER