O governo de Mato Grosso promove um investimento histórico na agricultura familiar com recursos que vão ultrapassar R$ 265 milhões até o final de 2022, com a proposta de alavancar a economia dos municípios mato-grossenses. De 2019 a 2021, o balanço de recursos destinados à área soma mais de R$ 168 milhões.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
foto: Mayke Toscano/assessoria

Os investimentos contemplam cadeias produtivas em todas as regiões. Além de investir em equipamentos para as famílias e cooperativas de trabalhadores, o governo também oferece infraestrutura aos municípios para que melhorem a logística de escoamento da produção ao consumidor interno e externo.

Para o governador Mauro Mendes, a organização das contas do Estado foi fundamental para garantir recursos em caixa e assim investir nas áreas prioritárias, como é o caso da agricultura familiar. “Vim de família da agricultores familiares e investir nesse setor é, de certa forma, uma homenagem aos meus pais que me criaram em um sítio no interior de Goiás”.

A prefeita de Carlinda (280 quilômetros de Sinop), Carmelinda Martines Coelho, comemorou que o município tem mais de R$ 6 milhões assegurados para fazer asfalto, aduelas, reformar escolas e ampliar o atendimento na saúde e agricultura familiar. “Esse governo tem uma forma diferente de administrar, promove parcerias com as prefeituras e busca o desenvolvimento de todas as regiões”.

Entre as entregas já feitas somente no ano passado estão 58 patrulhas mecanizadas, 500 resfriadores de leite, 1,4 mil caixas de mel, 40 mil doses de sêmen bovino, 2,15 mil prenhezes de embriões bovinos, 60 mil toneladas de calcário, 22 distribuidores de calcário, 77 veículos, 85 máquinas e sete caminhões.

O prefeito de Colíder (154 quilômetros de Sinop), Hemerson Máximo, explicou que os municípios enfrentam um grave problema com maquinários muito antigos e destaca como positivo os investimentos do governo na área de infraestrutura e agricultura familiar. “Esse esforço vai contribuir com retomada da economia, não tem como haver desenvolvimento sem boas estradas, sem apoio ao produtor rural, agradecemos o apoio, pois é fundamental deixar o município bem estruturado para receber investimentos”.

Na visão do prefeito de Gaúcha do Norte (632 quilômetros de Sinop), Voney Rodrigues Goulart, as máquinas entregues estão ajudando os municípios a enfrentar o período mais chuvoso, melhorando o acesso e a segurança nas estradas. Já o prefeito de Cotriguaçu (605 quilômetros de Sinop), Olírio dos Santos, avaliou que as máquinas vão ajudar principalmente os municípios carentes, que têm muitas estradas não pavimentadas.

Em janeiro do ano passado, o governo, por meio da secretaria de Estado de Agricultura Familiar, também fez entregas importantes a partir do programa MT Produtivo, sendo 42 patrulhas mecanizadas, 200 resfriadores de leite, 100 caixas de mel e 7,6 mil doses de sêmen bovino.

Atualmente, o Estado tem aproximadamente 130 mil produtores que vivem da agricultura familiar e que também estão sendo beneficiados, desde 2019, com a desoneração fiscal nas principais cadeias produtivas, como café, cacau, leite, mel, banana, limão, maracujá, piscicultura, extrativismo da castanha e produção de flores tropicais. O governo ainda adquire os produtos da agricultura familiar para a merenda das escolas estaduais.

“Enxugar gelo”. Você já sentiu essa interminável sensação?

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER