Programa compra alimento de fornecedores locais e distribui a famílias carentes.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

O governo do Rio Grande do Norte autorizou reajuste de 10% no Programa Leite Potiguar (PLP) para os participantes fornecedores de leite bovino e caprino classificados como agricultores familiares, médios ou grandes produtores, e às usinas de beneficiamento contratadas.

De acordo com a nova resolução do Comitê Gestor do Programa Leite Potiguar (CPLP), o preço pago pelo litro do leite bovino passa a ser de R$ 3,25 – R$ 2,05 ao produtor e R$ 1,20 ao laticínio.

Já o litro do leite caprino passa a R$ 3,90, dos quais R$ 2,70 para o produtor e R$ 1,20 à indústria de beneficiamento.

Em três anos, o programa contou com quatro reajustes, que chegam a 50%.

Os novos valores foram calculados com a aplicação da metodologia de preço baseada em estudo técnico realizado pelo Comitê Gestor, segundo afirma a secretária de Trabalho, Habitação e Assistência Social, Iris Oliveira.

Uma auditoria interna realizada em 2019 em parceria com a Controladoria Geral do Estado encontrou irregularidades no programa. Desde então, segundo a Sethas, o programa passa por um processo de melhorias na gestão e reorganização e reordenamento.

Uma rede de parceiros que inclui prefeituras, secretarias municipais e organizações civis está sendo construída através do estabelecimento de Termos de Cooperação para aprimorar o processo contratação e distribuição do leite.

São participantes prioritárias programa, como consumidoras, as famílias inscritas no Sistema do Cadastro Único, em situação de pobreza e extrema pobreza, com crianças na faixa etária de um a sete anos e idosos a partir de 60 anos.

A expectativa do setor é de que os preços no campo sigam firmes, à medida que a oferta continuou baixa em junho.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER