Para o pagamento a ser realizado em abril de 2020, a expectativa é de que o mercado siga firme nas regiões Sudeste, Centro-Oeste e Norte do Brasil
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Para o pagamento a ser realizado em abril de 2020, a expectativa é de que o mercado siga firme nas regiões Sudeste, Centro-Oeste e Norte do Brasil

07 de abril de 2020 às 15h38
Por Canal Rural

Março foi o quarto mês de alta nos preços do leite pagos aos produtores. Considerando a média nacional, o incremento foi de 0,9%, em relação ao pagamento anterior.

Segundo levantamento da Scot Consultoria, a média ponderada dos dezoito estado pesquisados ficou em R$1,284 por litro, 3,5% acima do registrado no mesmo período do ano passado. Já o valor médio com bonificações por qualidade e volume ficou em R$1,669 por litro.

Apesar da maior concorrência entre os laticínios pela matéria-prima, a demanda em alguns segmentos, como o de queijos, foi prejudicada pela situação atual do país de quarentena, em função da pandemia de coronavírus, e, com isso, algumas indústrias (queijeiros) ofertaram mais leite no mercado à vista.

O setor mais prejudicado foi o de food service, que engloba os bares, lanchonetes, restaurantes, hotéis, entre outros estabelecimentos.

Para o pagamento a ser realizado em abril de 2020, a expectativa é de que o mercado siga firme nas regiões Sudeste, Centro-Oeste e Norte do Brasil, no entanto, destacamos que nas regiões produtoras de queijo, a menor demanda pelas indústrias deste segmento, que sofrem mais com o fechamentos de alguns estabelecimentos comerciais  poderá tirar, em parte, a sustentação do mercado.

O mesmo ocorre no Sul do país, em particular nas regiões de produção de queijo no Rio Grande do Sul.

No total, 57 prêmios vieram para o Brasil; produção do queijo mineiro já é reconhecido como patrimônio cultural imaterial.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER