Na sexta-feira, 6, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa (Campinas – SP) renovou, mais uma vez, a máxima nominal na série histórica do Cepea
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Na sexta-feira, 6, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa (Campinas – SP) renovou, mais uma vez, a máxima nominal na série histórica do Cepea, que teve início em 2004, fechando a R$ 55,30/saca de 60 kg. A valorização segue atrelada à firme demanda no mercado interno e à baixa oferta do cereal, visto que muitos produtores têm preferido negociar soja. Já o ritmo de embarques do milho brasileiro está lento, e o fechamento de novos negócios está praticamente parado. Apesar da apreciação de 3% do dólar frente ao Real nos últimos sete dias, as cotações internas seguem mais atrativas ao vendedor. A média da parcial de março (até dia 6) do Indicador ESALQ/BM&FBovespa, de R$ 54,30/sc, é 27% superior à do milho disponível no porto de Paranaguá.

Inventados para aliviar o trabalho nas salas de cura, eles ajudam na metamorfose dos queijos suíços.”

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER