Os preços do milho voltaram a subir na maior parte das regiões acompanhadas pelo Cepea. Capitalizados e atentos ao campo, vendedores do cereal voltaram a se afastar do mercado spot nacional nos últimos dias.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Os preços do milho voltaram a subir na maior parte das regiões acompanhadas pelo Cepea. Capitalizados e atentos ao campo, vendedores do cereal voltaram a se afastar do mercado spot nacional nos últimos dias. Já alguns compradores que precisam recompor parte dos estoques acabam pagando valores maiores por novos lotes. Ainda assim, os fechamentos de negócios têm sido apenas pontuais. Pesquisadores do Cepea ressaltam que as recentes valorizações do milho também estiveram atreladas a preocupações com os fretes no mercado interno. Isso porque, à medida que a colheita da soja avança, verifica-se diminuição na oferta de caminhões para transporte de milho. Nesse cenário, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa (base Campinas-SP) voltou a operar na casa dos R$ 84/saca de 60 kg no final da semana passada.

Para incentivar a silagem a secretaria Municipal de agricultura está oferecendo tratores à comunidade.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER