Segundo responsável por pesquisa, os resultados são promissores e têm potencial para aplicação industrial; saiba mais
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Segundo responsável por pesquisa, os resultados são promissores e têm potencial para aplicação industrial; saiba mais

Pesquisa da Universidade do Vale do Taquari (Univates), sediada em Lajeado (RS), pode ter encontrado uma nova serventia para o soro lácteo gerado na produção de queijos, o que pode gerar valor agregado.

A estudante de engenheira química e responsável pelo estudo, Francielle Mobayed, estava trabalhando na produção de enzima lactase para fabricação de produtos sem lactose, porém, um dos entraves era o custo elevado dos insumos. A surpresa veio quando ela testou o soro lácteo e obteve resultados ainda melhores do que com as outras opções.

Segundo Francielle, o resultado dos estudos em laboratório tem sido tão positivo que as chances de ser aplicado na indústria é grande.

Campanha consumo de leite – A Campanha da 1ª Semana do Leite, prevista para ocorrer na primeira quinzena de novembro, foi o tema central da 18ª Reunião da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Leite e Derivados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), realizada nesta sexta-feira (17).

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER