Exp/Imp (média diária) – A média diária das exportações de produtos lácteos, em dólares, na quarta semana de julho, subiu 57,8% em relação à média diária de julho de 2020. Em toneladas, o percentual subiu 47,0%.  
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Exp/Imp (média diária) – A média diária das exportações de produtos lácteos, em dólares, na quarta semana de julho, subiu 57,8% em relação à média diária de julho de 2020. Em toneladas, o percentual subiu 47,0%.

A categoria “Leite, creme de leite e laticínios,…” teve crescimento, 87,6% em dólares, e de 66,5%, em volume, compensando as perdas ocorridas nas outras duas categorias.

A média diária das importações caiu 14,6% em dólares e 28,2% em volume. A responsabilidade pela queda foi do item “Leite, creme de leite e laticínios,…” que teve redução de 28,3% e 38,7% em valores e volume, respectivamente.

O preço de exportação da categoria mais representativa, “Leite, creme de leite e laticínios…” teve crescimento médio de 12,6%, em relação aos valores de exportação de julho de 2020. Entretanto, continua com uma defasagem de mais US$ 1.000 a tonelada em relação aos preços de importação da mesma categoria de produtos.

O déficit da balança comercial da quarta semana de julho subiu 7,4% em relação à terceira semana. No entanto, como vem ocorrendo desde maio, o déficit diário da balança em relação ao resultado da média diária de um ano atrás melhorou. Passou de -US$ 1.393,2 mil em julho de 2020 para -US$ 978,8 mil, agora.

>> Acesse aqui a tabela de dados

Em um momento em que as exportações de lácteos dos EUA estão aumentando, acaba de ser anunciado que a Cúpula Mundial dos Laticínios (World Dairy Summit) será realizada em Chicago, de 16 a 19 de outubro de 2023.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER