O leite ficou mais barato em outubro para os consumidores do país. No entanto, os preços não caíram apenas para a população, mas também para os produtores do país.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Preço
Preço do leite pago ao produtor CAI 6,5% em outubro, diz Cepea

De acordo com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP, o preço do leite captado em setembro e pago em outubro caiu 6,5%. Isso corresponde a uma queda de 20 centavos por litro.

Em outras palabras, os produtores de leite do país receberam menos em outubro, quando comparado a setembro. Com o acréscimo desse resultado, o preço do litro do leite caiu para R$ 2,85 na “Média Brasil”, segundo o Cepea.

Embora o recuo tenha sido bastante expressivo, o preço do leite pago aos produtores continua muito elevado. Em resumo, o leite no campo acumula uma valorização real de 15,5% em comparação a outubro de 2021, em termos reais, descontada a inflação.

Entenda por que o preço do leite caiu em outubro

Segundo o Cepea, o enfraquecimento no preço do leite ocorreu devido à queda da demanda ao longo de agosto e setembro. A saber, os preços dispararam nos últimos meses por conta dos “estoques de derivados limitados nos atacados e baixa oferta de leite cru no campo”, informou o Cepea.

Contudo, esse cenário de preços elevados provocaram uma retração no consumo da população brasileira. Assim, os distribuidores passaram a pressionar os laticínios por preços mais baixos dos derivados, uma vez que os altos valores cobrados pelo item não se sustentaram.

Por fim, a entidade estima que a produção de leite ganhe fôlego nos últimos meses de 2022. Dessa forma, os preços do leite e dos seus derivados deverão continuar caindo no país. Aliás, a expectativa é que haja mais um tombo de 10% neste mês.

É praticamente impossível tirar certos aperitivos do gosto do brasileiro. Sabendo disso, uma pesquisa decidiu apurar um dos nossos xodós do cardápio nacional e elegeu o melhor requeijão que hoje é vendido no Brasil.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER