Para o leite longa vida (UHT), depois da forte queda em novembro (-11,5%), o produto ficou praticamente estável. O produto ficou cotado, em média, em R$ 2,32 por litro.

No mercado varejista, em São Paulo, o cenário foi de queda. Na média de todos os produtos lácteos o recuo foi de 0,5%, frente a quinzena anterior.

O UHT recuou 3,4% no período e está cotado, em média, R$3,32 por litro. Em relação ao mesmo período do ano passado o produto está custando 18,2% mais este ano.

Para o curto prazo, a expectativa é de preços mais frouxos. Além da oferta de matéria-prima (leite cru) em alta no país, a demanda por leites fluidos (UHT e pasteurizado) diminui neste período de férias escolares e festas de final de ano.