Em tempos de crises, o pecuarista precisa se apoiar em vários elementos para seguir com a atividade, veja alguns na live de hoje
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Cow milking facility and mechanized milking equipment

Em tempos de crises, o pecuarista precisa se apoiar em vários elementos para seguir com a atividade, veja alguns na live de hoje

Wander Bastos é produtor de leite, médico veterinário, membro da Comissão de Bovinocultura de Leite da FAESP e diretor da Abraleite. Durante entrevista ao programa Nação Agro Contra o coronavírus desta segunda-feira, 08 de junho, Wander comentou sobre o mercado do leite. Com problemas pontuais em algumas regiões do Brasil. “De forma geral, o mercado está fluindo e houve até recuperação no preço do leite spot, o índice Cepea aponta preço na casa dos R$2,20 pelo litro.” – afirma Wander.
Outro assunto de destaque é sobre o futuro da produção de leite, com vacas mais eficientes tanto na conversão dos alimentos como na produção de leite. Ele destaca cinco características que o produtor do futuro vai ter de administrar com maior rigor:

1. Índices zootécnicos do rebanho
2. Qualidade do leite
3. Gestão da atividade
4. Sanidade do rebanho
5. Nutrição

Com relação a nutrição da vacada, Wander destaca o aprimoramento no manejo dos pastos.”O produtor precisa adotar o pastejo rotacionado e melhorar a qualidade do capim.”
Acompanhe a entrevista completa com Wander Bastos.

 

Campanha consumo de leite – A Campanha da 1ª Semana do Leite, prevista para ocorrer na primeira quinzena de novembro, foi o tema central da 18ª Reunião da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Leite e Derivados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), realizada nesta sexta-feira (17).

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER